ASA 1 x 0 São Caetano - E venceu o melhor... ou o menos pior?

Os dois times já entraram na última rodada rebaixados para a Série C

por Agência Futebol Interior

Arapiraca, AL, 28 (AFI) – No confronto dos dois piores times do Campeonato Brasileiro da Série B, quem levou a melhor foi justamente o lanterna. Na partida que decretou a despedida de ASA e São Caetano da temporada, os alagoanos venceram por 1 a 0, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca. Lúcio Maranhão foi o autor do único gol da partida.

Apesar do resultado positivo, o ASA terminou o campeonato na lanterna, com apenas 35 pontos, um a menos que o São Caetano, penúltimo colocado. Os dois times já entraram em campo rebaixados para a Série C do Brasileiro.

Faltou o gol, Azulão!
Em um estádio vazio, o São Caetano quase abriu o placar antes mesmo do primeiro minuto de jogo. Calec fez boa jogada individual e cruzou para Giancarlo, que cabeceou pela linha de fundo. O ASA era dominado pelo adversário e assustou apenas aos 14, quando Elionar Bombinha recebeu na entrada da área e soltou a bomba. A bola desviou na zaga e passou raspando a trave de Junior Belliato.

Ligeiramente melhor, o São Caetano criou boa chance aos 18 minutos. Marcelo Soares passou por Marcus Winicius e ficou sem ângulo. O atacante cruzou para dentro da pequena área e por muito pouco Caleb não conseguiu completar. Na sequência, Lúcio Maranhão recebeu cruzamento livre de Jorginho e conseguiu cabecear para fora.

Caleb recebeu passe de Giancarlo e bateu levando muito perigo ao gol de Marcus Winicius. Aos 33, o São Caetano chegou a abrir o placar. Após cruzamento para dentro da área, Anselmo dominou e chutou na saída do goleiro. Depois de validar o lance, o árbitro voltou atrás ao ser avisado pelo bandeirinha e marcou impedimento do volante, irritando os jogadores do São Caetano. A partida seguiu sem maiores emoções até o fim do jogo.

Lúcio Maranhão é o cara
A etapa final começou bastante movimentada, com os dois times criando chances de gol. Aos três, Lúcio Maranhão recebeu cruzamento de Jorginho, dominou e na frente de Junior Belliato acertou a rede do lado de fora. A resposta veio com Giancarlo. Marcus Winicius afastou cruzamento e ficou caído. A bola sobrou nos pés do atacante, que, com o gol aberto, conseguiu chutar por cima.

Aos oito, Danilo Bueno recebeu dentro da área e bateu para grande defesa de Marcus Winicius. A partida caiu um pouco de produção e foi ganhar em emoção apenas aos 25. Lúcio Maranhão dominou e chutou na saída de Junior Belliato. A bola passou pelo goleiro, mas foi salva em cima na linha por Bruno Alves. O ASA cresceu de produção nos minutos finais e esboçou uma pressão.

Diogo Silva arriscou rasteiro de fora da área e Júnior Belliato fez boa defesa. O goleiro voltaria a salvar em cobrança de falta de Jorginho. Aos 42 minutos, o camisa 1 do Azulão nada pôde fazer. Elionar Bombinha fez boa jogada e bateu para linda defesa de Belliato. O rebote, porém, sobrou nos pés de Lúcio Maranhão, que completou. Nos acréscimos, Jorginho soltou a bomba de primeira e o goleiro do São Caetano fez uma defesa espetacular.

Ficha Técnica

Fase
Fase única
Rodada
38ª rodada
Data
29/11/2013
Horário
19h30
Local
Estádio Coaracy da Mata Fonseca - , em Arapiraca (AL)
Árbitro
Italo Medeiros de Azevedo (RN)

Renda
Não divulgado.
Assistentes
Francisco Nurisman Machado Gaspar (PI) e Gean Carlos Menezes de Oliveira (RR)

Público
936 pagantes
ASA-AL
Marcus Winicius;
Jorginho, Fabiano, Edson Veneno e Samuel;
Basílio (Diogo Silva), Cal, Caíque (Thallyson) e Diego Rosa (Didira);
Lúcio Maranhão e Elionar Bombinha.
Técnico: Heron Ferreira.
São Caetano-SP
Júnior Belliato;
Samuel Santos, Bruno Alves, Fabinho e Renan Luis;
Leandro Carvalho, Anselmo, Caleb (Robinho) e Danilo Bueno (Wagner Carioca);
Marcelo Soares e Giancarlo (Jackson).
Técnico: Pintado.