Novo reforço chega à Ponte e meia deve ser apresentado nesta terça

Os dois jogadores foram emprestados pelo Atlético-MG, que pagará 50% dos salários

por Agência Futebol Interior

Patric deve ficar à disposição contra Duque

Campinas, SP, 19 (AFI) – Após dois dias de folga, o elenco da Ponte Preta volta aos treinos, na tarde desta segunda-feira. A grande novidade ficará por conta do lateral-direito Patric, que fará seu primeiro treinamento como reforço do time alvinegro para o Campeonato Brasileiro da Série B.

O outro contratado da Macaca, o meia Caio, tem chegada prevista para esta terça-feira, quando fará exames médicos. A chegada atrasou um pouco mais, tendo em vista que o jogador passou o final de semana resolvendo assunto burocrático no Atlético-MG, donos de seus direitos federativos.

Por outro lado, Patric, que também foi cedido pelo Galo, está no clube desde o último sábado, quando já realizou os primeiros exames. Na manhã desta segunda-feira, o jogador passou por novos testes e a expectativa é que já esteja regularizado para o duelo de sábado contra o Duque de Caxias, em Araraquara.

Apesar de sondagens de clubes do Brasileirão e da Série B, como Goiás e Vitórias, o Galo optou por emprestar os dois jogadores à Ponte. Como os salários de ambos estão acima dos padrões do clube campineiro, o time mineiro se propôs a pagar 50% dos vencimentos de cada um.

Até o próximo dia 26 de setembro, data limite para inscrições na Série B, o clube alvinegro pode confirmar a chegada de mais reforços. Embora a diretoria afirme que não está à procura de jogadores, um atacante rápido pode aparecer no Majestoso.

Para a partida de sábado, a Macaca deve ter, pelo menos, um desfalque. É que o meia Renato Cajá saiu de campo com uma lesão muscular. O zagueiro Wescley, com uma torção no tornozelo, e o zagueiro Leandro Silva, com um corte no joelho, não devem ser problema.

“Temos uma semana cheia, na qual precisamos trabalhar com confiança para nos reabilitarmos, mas de maneira muito atenta. O Duque conseguiu arrancar um empate contra o Sport e não pode ser menosprezado. Mais uma vez, pedimos ao torcedor que vá a Araraquara nos apoiar”, alertou o técnico Gilson Kleina.

Após a derrota para o Grêmio Barueri, por 2 a 1, a Ponte perdeu uma invencibilidade de nove rodadas. Além disso, caiu para a terceira colocação, com 43 pontos.

aaa