Guaratinguetá 0 x 0 São Caetano - Muita vontade e pouca qualidade!

Times correram muito para fazer o gol, mas faltaram chances reais

por Agência Futebol Interior

Guaratinguetá, SP, 22 (AFI) - Após ter anunciado a mudança de sua sede para Americana, o Guaratinguetá não conseguiu vencer. Na noite deste sexta-feira, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, apenas empatou por 0 a 0, com o São Caetano. Na terça-feira, o Guará tinha empatado por 1 a 1 com o Icasa.

A situação também está complicada para o técnico Toninho Cecílio, ele não consegue uma vitória com o Azulão há seis jogos, permanecendo na zona intermediária, com 41 pontos. O Guará, de Edinho Nazareth (foto), também está no meio da tabela, com 40.

Muita correria!
O São Caetano começou o jogo melhor e logo no início da partida criou uma boa chance de gol. Aos dez minutos, Patrick foi até a linha de fundo e rolou para marca do pênalti. Eduardo, livre, pegou muito mal na bola que foi por cima do gol.

A resposta do Guará veio aos 13 minutos. Num chute de fora da área, Vagner Carioca abriu o placar para o Guaratinguetá. Mas, o árbitro anulou o lance, alegando que na roubada de bola, o atacante tinha cometido falta no zagueiro.

Mesmo sem criar muito, o Guará começou o jogo com mais posse de bola. Mas, com o passar do tempo, o São Caetano reverteu a vantagem e passou a ter o controle da bola, mas também pouco produzia. Os times se lançavam muito ao ataque, mas sem muita produtividade.

No final do primeiro tempo, o Azulão teve mais uma boa chance. Romário foi até a linha de fundo e tocou para Henrique Dias. Ele arriscou de perna esquerda. A bola balançou as redes de Jailson, mas pelo lado de fora.

Jogo morno!
A etapa final começou com o Guará criando uma chance logo no primeiro minuto. Éverton Luis cobrou uma falta de longe, a bola quicou no caminho e complicou a vida do goleiro Leandro, explodindo no seu peito e voltando para o meio da área, mas a zaga do Azulão jogou para escanteio.

Num outro chute de fora da área, Éverton arriscou para o Guará. A bola saiu tirando tinta da trave do goleiro Leandro, que só ficou observando. A resposta do Azulão veio aos 12 minutos, numa cobrança de falta de Fernandinho, onde o goleiro Jailson fez uma boa defesa.

Depois destes lances no começo do jogo, a partida só voltou a ter emoção aos 38 minutos. Numa boa troca de passes do ataque do Azulão, a bola sobrou para Henrique Dias, que dentro da pequena área, arriscou para o gol. O goleiro Jailson, bem posicionado, fez uma boa defesa e salvou o Guará da derrota.

Próximos jogos
Na próxima sexta-feira, o Guaratinguetá enfrenta o Náutico, às 21 horas, em Recife. No sábado, às 17 horas, o São Caetano encara o Coritiba, em São Caetano do Sul, no Estádio Anacleto Campanella.

Ficha Técnica

Guaratinguetá 0 x 0 São Caetano

Local: Estádio Dario Leite Rodrigues, em Guaratinguetá-SP
Árbitro: Elcio Paschoal Borborema-SP
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse-SP e João Bourgalber Nobre Chaves-SP
Cartões amarelos: Vagner Carioca e Gober (Guaratinguetá);

Guaratinguetá
Jaílson; Régis, Everton, Gustavo Bastos e Renato Peixe; Célio, Goeber, Léo Silva e Guaru (Danilo Santos); Serginho (Jhon) e Vagner Carioca (Crivelaro).
Técnico: Edinho Nazareth.

São Caetano
Leandro; Patrick (Welligton), Jean, Anderson Marques e Fernandinho; Moradei, Augusto Recife, Romário e Luciano Mandi (Mazinho); Eduardo (João Paulo) e Henrique Dias.
Técnico: Toninho Cecílio.