Vasco 2 x 1 Bahia - Vascão está virtualmente na elite!

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 24 (AFI) – O Vasco da Gama chegou aos 66 pontos, número em que todos os matemáticos dão como certo o acesso, e está virtualmente na elite. Além disso, desponta como grande favorito ao título da temporada. O time carioca bateu o Bahia, por 2 a 1, na tarde deste sábado, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Mais de 52 mil pessoas viram o jogo.

Fagner e Elton, artilheiro da Série B, com 15 gols, marcaram os gols que mantiveram o Vasco na primeira colocação, com 66 pontos, quatro a mais que o segundo colocado, o Guarani e, 15 pontos a mais que o Figueirense, quinto colocado.

Enquanto isso, o Bahia, que já foi campeão Brasileiro em 1988, segue a passos largos sua volta à Série C. O Tricolor está de novo na zona de rebaixamento, na 17ª colocação, com apenas 35 pontos.

Vamos subir, Vasssscão!
O Vasco aproveitou a força de sua torcida no Maracanã para pressionar e alugar o campo do desesperado Bahia. O time carioca se manteve com a maior posse de bola, enquanto o Bahia se limitou a defender.

Logo aos 9 minutos, Hernani cobrou falta e com um desvio na zaga quase abriu o marcador. Mas dois minutos depois, o Bahia respondeu. Ananias mandou para o gol e como a bola desviou no gramado quase enganou Fernando Prass, que espalmou.

Aos 17 minutos, Alex Teixeira cruzou na medida para Fumagalli. O meia deu um leve desvio no primeiro pau e acertou o travessão baiano. O jogo caiu de produção, mas antes do primeiro tempo acabar, a torcida vascaína explodiu de felicidade.

Aos 36 minutos, Evaldo saiu errado. Fagner recuperou a bola e tocou para Elton. O lateral recebeu de calcanhar e encheu o pé para marcar um golaço no ângulo esquerdo do Bahia, 1 a 0, Vasco.

Festa no Maraca!
No segundo tempo, o Vasco voltou disposto a ampliar. Logo no começo, Alex Teixeira mandou um petardo e fez Marcelo trabalhar. Aos 18 minutos, Adriano aproveitou desvio de Souza e mesmo com Marcelo no chão, errou o alvo. Um minuto depois, Elton recebeu e bateu na saída de Marcelo. A bola passou raspando a trave.

A partir daí a bola resolveu entrar. Aos 31 minutos, Elton recebeu na área e sem deixar a bola cair mandou de primeira. Um golaço que ele festejou com a torcida vascaína. Mas a resposta veio logo em seguida.

Aos 36 minutos, Paulo Isidoro entrou por trás da zaga vascaína e, na saída de Fernando Prass, fez o gol de honra para o Bahia. Mas já era tarde demais e o Vascão festejou.

Próximos jogos
Na 33ª rodada, o Vasco encara o Fortaleza, no Castelão, no próximo sábado, às 16h10. Enquanto isso, o bahia vai a Caxias do Sul enfrentar o Juventude na terça-feira, às 21 horas.

Ficha Técnica

Vasco 2 x 1 Bahia

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro-RJ
Árbitro: Héber Roberto Lopes-PR (FIFA)

Público: 49.990 (pagantes) e 52.631 (presentes)
Renda: R$ 819.498,50 Cartões amarelos: Nilton, Dedé (Vasco); Ananias, Bebeto (Bahia)
Gols: Fagner, aos 36’/1T, Elton, aos 31’/2T (Vasco); Paulo Isidoro, aos 36’/2T (Bahia)

Vasco
Fernando Prass; Fágner, Vilson, Titi e Ernani; Nilton, Souza (Amaral), Fumagalli (Adriano) (Dedé) e Allan; Alex Teixeira e Elton.
Técnico: Dorival Júnior.

Bahia
Marcelo; Bebeto, Evaldo, Menezes e Alex Maranhão (Beto); Marcone, Leandro, Hernani e Ananias; Nadson (Roberto) e Jael (Paulo Isidoro).
Técnico: Paulo Bonamigo.