Paraná 0 x 2 Portuguesa - Artilheiro mantém esperanças na Lusa

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 02 (AFI) - Zé Carlos (foto) renovou as esperanças da Portuguesa de conquistar o acesso na Série B. Com dois gols, o atacante foi o principal nome da vitória por 2 a 0 sobre o Paraná, na Vila Capanema, em Curitiba, pela abertura da 28ª rodada.
O resultado não significou uma subida tão grande na tabela. A Portuguesa subiu um degrau e assumiu a sexta posição, agora com 44 pontos. Agora, são três de diferença para o Ceará, que enfrenta o Fortaleza neste domingo. Já o Paraná estacionou nos 35 pontos e segue em posição intermediária.
Deixou sua marca!
Apesar de jogar fora de casa, a Portuguesa foi a dona do primeiro tempo. A entrada de Fellype Gabriel trouxe mobilidade ao ataque do time de Benazzi, enquanto a escalação dos três zagueiros e três volantes deixou o Paraná completamente entregue e travado, sem chances de marcar.
Tanto que as grandes chances da primeira etapa foram da Lusa. Logo aos seis minutos, Marco Aurélio tabelou com Fellype Gabriel e arriscou o chute, que saiu por cima do gol de Zé Carlos. Dois minutos depois, foi a vez de Fellype arriscar, mas o goleiro tricolor agarrou a pelota no canto direito.
A Lusa aumentou o ritmo apesar dos 15 minutos, quando os atacantes entraram pra valer no jogo. Aos 18, Zé Carlos recebeu lançamento de Fellype Gabriel e chutou, para nova defesa de Zé Carlos. Porém, aos 35, não teve jeito. Simão recolheu a bola pela direita e levantou na cabeça de Zé Carlos. O centroavante finalizou no canto direito e abriu o marcador.
Foi somente a partir do gol que o Paraná passou a jogar. E, mesmo assim, não foi muito animador. Aos 38 minutos, Márcio Goiano deu uma de centroavante e apareceu na área para cabecear com perigo. Muriel se esticou no canto direito e evitou o empate.
Mais uma vez!
O segundo tempo não teve muitas emoções em termos ofensivos. O Paraná Clube voltou com duas alterações: Elvis no lugar do zagueiro Elton e Wellington Silva na vaga do atacante Adriano. As alterações mostraram-se inúteis perante o domínio paulista.

A Portuguesa, contudo, só conseguiu marcar graças à falha de Montoya. Aos 16 minutos, o zagueiro ganhou no alto e tentou recuar de cabeça para o goleiro Zé Carlos. Atento, o Zé Carlos da Lusa interceptou a jogada, encobriu o goleiro e marcou o segundo gol lusitano.
O tento acabou com todas as esperanças de vitória do Paraná. A equipe de Roberto Cavalo criou poucas oportunidades, como aconteceu aos 25 minutos, em chute de Elvis. No entanto, Muriel esteve atento às bolas que foram ao gol e evitou a reação do adversário.
Próximos Jogos
Os dois clubes voltam a jogar pelo Brasileiro da Série B na semana que vem. A Portuguesa entra em campo na terça-feira, contra o São Caetano, num duelo entre dois dos postulantes ao acesso. Já o Paraná joga na sexta, contra o Atlético-GO, em Curitiba.
Ficha Técnica
Paraná 0 x 2 Portuguesa
Local: Estádio Durival de Britto, em Curitiba – PR
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio - DF
Público: 3.135 espectadores (2.858 pagantes)
Renda: R$ 41.605,00
Cartões Amarelos: Elton, Montoya, Luiz Henrique e Murilo (Paraná); Acleisson, Preto e Fernandinho (Portuguesa)
Gols: Zé Carlos aos 35'/1T e aos 16’/2T (Portuguesa)
Paraná
Zé Carlos; Montoya, Luís Henrique e Elton (Elvis); Murilo, Luiz Camargo, João Paulo, Adoniran, Davi (Wando) e Márcio Goiano; Adriano (Wellington Silva).
Técnico: Roberto Cavalo.
Portuguesa
Muriel; Bruno Rodrigo, Preto Costa e Domingos; Simão (Fernandinho), Acleisson, Marco Antonio, Preto e Marco Aurélio; Fellype Gabriel (Rafael Silva) e Zé Carlos (Kempes).
Técnico: Vágner Benazzi.