Brasiliense 2 x 0 Ipatinga - Donos da casa comprovam favoritismo

por Agência Futebol Interior

Brasília, DF, 20 (AFI) - O Brasiliense venceu o Ipatinga por 2 a 0, nesta terça-feira, no Serejão, e quebrou uma seqüência de quatro partidas sem conquistar uma vitória no Campeonato Brasileiro da Série B. Neste período, foram três derrotas e um empate. Já o Ipatinga acumulou mais uma rodada sem vencer. O jejum completou três partidas.
Na tabela de classificação, o Brasiliense ultrapassou o time mineiro. Em 11º lugar, com 41 pontos, o time de Luiz Estevão não sonha mais com o acesso e ficou distante do rebaixamento. O Ipatinga vem logo a seguir, com 40 pontos.
Gol duvidoso?
O Brasiliense foi o dono do primeiro tempo. Apostou suas fichas em jogadas áreas e de bola parada, que no fim se mostraram eficientes contra o Ipatinga. Os mineiros não fizeram uma primeira etapa de qualidade e foram reféns das jogadas isoladas de Diego Silva e Marcelo Ramos.
A primeira oportunidade do Jacaré amarelo foi com Thiaguinho. O meia recebeu cruzamento na área e cabeceou no travessão, para desespero da torcida e de Reinaldo Gueldini. O Ipatinga evitou este lance, mas seria castigado logo em seguida.
Aos 40 minutos, o Brasiliense abriu o placar. Thiaguinho cobrou escanteio para o meio da área. A bola foi desviada e César Gaúcho, com um toque de braço, a jogou para as redes. Como a arbitragem não viu o lance, o gol foi confirmado, para desespero dos visitantes.
O Ipatinga teve a chance de empatar nos acréscimos. Diego Silva invadiu a área, mas parou na defesa de Guto. No rebote, o camisa 11 jogou a bola pela linha de fundo.
Parece o primeiro tempo!
O segundo tempo seguiu o mesmo panorama do primeiro. O Brasiliense mandou na partida e criou algumas oportunidades para marcar, sempre com as mesmas jogadas. Em compensação, o Ipatinga - nem mesmo com mudanças no time titular - demonstrou falta de energia e, em certos momentos, de vontade.
O grande nome da etapa final foi o goleiro Fred. O titular da meta mineira fez ao menos duas grandes defesas, ambas em chutes de longa distância. O Brasiliense teve mais volume de jogo e levou perigo ao gol adversário, mas só foi marcar o gol da vitória no final.
Aos 43 minutos, Ricardinho recebeu dentro da área e garantiu o triunfo do time de Luiz Estevão. No final, o Ipatinga - já sem Marcelo Ramos, sacado durante o segundo tempo - tentou diminuir o prejuízo, mas era tarde para acordar.
Próximos Jogos
Pela 32ª rodada da Série B, o Brasiliense volta a jogar já nesta sexta-feira, fora de casa. O time de Luiz Estevão medirá forças contra o Atlético-GO, no Serra Dourada, em Goiânia. Enquanto isso, o Ipatinga fecha a rodada na noite no sábado, às 21 horas, contra o Juventude, no Ipatingão.
Ficha Técnica
Brasiliense 2 x 0 Ipatinga
Local: Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga–DF
Árbitro: Felipe Gomes da Silva-RJ
Cartões Amarelos: Pedro Ayub, Ailson e Edinho (Brasiliense); Lucas, Max e Alessandro Lopes (Ipatinga)
Cartão Vermelho: Alex Silva (Ipatinga)
Gols: César Gaúcho aos 40’/1T e Ricardinho aos 43’/2T (Brasiliense)
Brasiliense
Guto; Júlio César, César Gaúcho, Ailson e Edinho (Eder); Juninho, Pedro Ayub, Thiaguinho e Iranildo (Maninho); Fábio Júnior (Gustavo) e Ricardinho.
Técnico: Reinaldo Gueldini.
Ipatinga
Fred; Alex Silva, Alessandro Lopes, Max e Radar; Max Carrasco, Lucas (Joabe), Leandro Brasília e Luiz Fernando; Diego Silva e Marcelo Ramos (Amílton).
Técnico: Emerson Ávila.