Bragantino 3 x 0 Bahia - Show em casa e Bahia em apuros

por Agência Futebol Interior

Bragança Paulista, SP, 17 (AFI) – Um continua sonhando com o acesso para a Série A, enquanto o outro se aproxima cada vez mais da Série C. Neste sábado, o Bragantino venceu o Bahia, por 3 a 0, no Estádio Nabi Abi Chedid, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Confira:
Salvador da Ponte elogia técnico e agradece pela oportunidade

Com isso, o Braga chegou aos 43 pontos e assumiu a oitava colocação, ficando a oito pontos do Figueirense, quarto colocado. Por outro lado, o Bahia é o 18ª colocado, com 32 pontos e apenas um ponto atrás do América-RN, primeiro fora da zona de rebaixamento.

Além de permanecer entre os últimos colocados, o Tricolor baiano aumentou sua série negativa para nove jogos sem vencer, sendo sete derrotas e dois empates. A última vez que o Bahia saiu vencedor na Segundona foi no longínquo 29 de agosto, quando meteu 3 a 1 no São Caetano pela 21ª rodada. Outro tabu do Bahia é de nunca ter vencido em Bragança Paulista, sendo 11 jogos, com seis empates e cinco derrotas. O técnico Bonamigo segue sem vencer. São três jogos, com duas derrotas e um empate.

Era para ser muito mais!
Jogando em casa, o Bragantino partiu para cima do adversário e assutou logo no primeiro minuto, quando Paulinho arriscou da entrada da área, mas mandou por cima do gol. Aos oito minutos, Adãozinho cobrou falta e Da Silva desviou de cabeça, sem chances para o goleiro Marcelo.

Na sequência, Diego Macedo recebeu passe e de fora da área acertou um bonito chute, para grande defesa do goleiro adversário. Aos 14 minutos, Leo Jaime aproveitou falha da zaga e chutou de primeira, para outra boa defesa de Marcelo. O Bahia assustou aos 15 minutos, quando Menezes cabeceou por cima do gol.

O Braga ampliou aos 17 minutos, novamente em bola parada. Lúcio cobrou falta de longa distância, mas passou por todo mundo e entrou direto no gol de Marcelo. O Bahia teve a chance de diminuir aos 23 minutos, quando Nadson recebeu passe dentro da área, dominou no peito e chutou rasteiro, mas a bola passou raspando a trave de Gilvan.

Quase que o Bragantino faz o quarto aos 33 minutos. Léo Jaime invadiu a área e saiu na frente do goleiro, que fechou o ângulo e pegou a bola nos pés do jogador, que ficou caído no chão. Três minutos depois, Frontini recebeu na lateral da área e bateu forte, mas Marcelo espalmou e a zaga afastou para escanteio.

Fechou o caixão!
O Bahia voltou melhor para a segunda etapa e criou boa chance aos três minutos. Ananias driblou o zagueiro adversário e chutou forte para boa defesa de Gilvan. Na sequência, Nadson fintou o zagueiro e ficou na frente do goleiro adversário, que pegou mal e mandou por cima do gol. O Braga quase fez o terceiro aos 14 minutos, q uando João Paulo cobrou falta para dentro da área e ninguém desviou, mas dessa vez Marcelo fez a defesa.

Aos 22, Lúcio puxou contra-ataque e tocou para Léo Jaime, que dentro da área soltou a bomba para outra boa defesa do goleiro Marcelo. Quatro minutos depois, Nadson recebeu grande passe de Ananias e chutou forte, mas por cima do gol de Gilvan.

O Bahia voltou a assustar aos 33 minutos. Bola cruzada na área e Nadson subiu mais que todo mundo, mas mandou por cima do gol de Gilvan, que apenas olhou. Aos 42 minutos, o Braga ampliou com Diego Macedo. Beto tocou para o lateral, que livre, chutou rasteiro e mandou por debaixo das pernas do goleiro.

Próximos jogos
Os dois times entram em campo na próxima terça-feira, quando acontece a 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Bragantino vai enfrentar a Ponte Preta, às 19h30, no Estádio Moisés Lucarelli. Já o Bahia recebe o Campinense, no mesmo horário, no Estádio Pituaçu.

Ficha Técnica

Bragantino 3 x 0 Bahia

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista – SP
Árbitro: Cláudio Mercante - PERenda: R$ 6.705,00
Público: 495 pagantes

Cartões Amarelos: Frontini, Adãozinho, Carlinhos, Da Silva e Diego Macedo (Bragantino); Bruno Silva, Marcos, Leandro e Juninho (Bahia)
Gols: Da Silva aos 8’/1T, Lúcio aos 17’/1T e Diego Macedo aos 42’/2T (Bragantino)

Bragantino
Gilvan; Carlinhos, Da Silva e Kadu; Diego Macedo, Paulinho, Lúcio (Juninho), Adãozinho (Mário) e João Paulo; Léo Jaime e Frontini (Beto).
Técnico: Marcelo Veiga.

Bahia
Marcelo; Marcos, Menezes, Nen e Rubens Cardoso (Alex Maranhão); Bruno Silva, Leandro, Elton (Ananias) e Juninho; Nadson e Jael.
Técnico: Paulo Bonamigo.

 
 
" />