Duque de Caxias x Vasco - Cruz-maltinos defendem tabu!

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 25 (AFI) – A partir deste sábado, o Vasco da Gama começa a contagem regressiva para retornar à elite. E nada melhor do que enfrentar um rival do mesmo Estado e para quem jamais perdeu. O duelo contra o Duque de Caxias será às 16h10, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.Com 52 pontos, na primeira colocação, o Vasco vem de vitória, por 1 a 0, sobre o Guarani. Enquanto isso, o Duque, com apenas 30 pontos, luta contra o rebaixamento, apesar da vitória sobre o América-RN pelo mesmo placar.



Confira também:
Clássicos encerram rodada da Série B em grande estilo

No histórico oficial, são apenas três jogos oficiais com duas vitórias do Vasco (2 a 0 e 3 a 1 no Cariocão) e um empate (0 a 0 no primeiro turno da Série B). Todos estes jogos foram disputados em São Januário.Mas além destes dois jogos ainda houve um amistoso em 2007 na abertura do Marrentão e que acabou empatado, por 1 a 1. Já no outro amistoso, o Vasco goleou, por 6 a 0. Este foi um dos amistosos caça-níqueis para Romário chegar ao milésimo gol. Neste duelo, o Baixinho marcou duas vezes.



Curiosidade!
O número de jogos no Estádio Mário Filho é pequeno porque o Duque de Caxias começou a disputar a Série A do Campeonato Carioca em 2008 e em 2009 não disputou nenhuma partida no Maraca, já que contra Vasco e Botafogo os jogos aconteceram em São Januário e no Engenhão, respectivamente.

O clube fluminense jamais venceu no Estádio do Maracanã. É verdade que o Duque jogou apenas duas vezes no estádio mais charmoso do Brasil, mas não tem boas lembranças. Nas duas oportunidades, no ano passado, o clube foi derrotado pelo Fluminense por 2 a 1, no dia 23 de janeiro, e para o Flamengo, por 5 a 1, no dia 27 de janeiro.

Além deste tabu, o Duque tenta conquistar a segunda vitória contra um grande clube do Estado. A primeira foi por 3 a 2, de virada, em cima do Fluminense, no Estádio Los Larios, no dia 5 de fevereiro deste ano.Pressão psicológica?
Na tentativa de surpreender o Vasco, o Duque busca forças até mesmo no fator extra-campo. Provocação ou não, o time da Baixada Fluminense, como mandante do duelo, optou por ficar nos vestiários que ficam à direita das cabines de rádio e TV. O local é tradicionalmente utilizado pelo clube cruz-maltino, inclusive nos clássicos contra Flamengo, Fluminense e Botafogo.



A diretoria do Duque, entretanto, não parou por aí com as polêmicas. A princípio, os mascotes vascaínos também estão proibidos de entrar em campo com o time e os sócio-torcedores do clube não terão direito a pagar meia-entrada. Até por isso, a expectativa de público é baixa, em torno de 25 mil pessoas. Em relação ao time, o técnico Gilson Kleina faz mistério sobre qual será a dupla de meias. Juninho, Clayton, Leandro Cruz e Thiaguinho disputam duas vagas, mas os dois primeiros são os favoritos. O desfalque segue sendo o atacante Edivaldo, artilheiro da equipe com 12 gols. Ele está lesionado e não fica nem no banco.



Nada de mistério!“Fico muito feliz em saber que vai ser a partida de número 50, porque hoje em dia é muito importante para qualquer profissional alcançar esta marca num clube”, disse o comandante que quer presente.


No Vasco, o técnico Dorival Junior, que completa 50 jogos no comando do clube carioca, evitou o mistério e confirmou as voltas de Gian e Nilton, que estavam suspensos, nas vagas de Titi e Mateus, respectivamente.

“Completar 50 jogos pelo Vasco com a vitória no sábado seria legal para mim, mas eu não estou muito preocupado com apenas essa partida. Seria muito importante se o Vasco continuasse vencendo até o final para que todos nós possamos voltar à primeira divisão. Ainda tem muito campeonato para acontecer e eu espero que a gente possa sempre atingir esses números”, finalizou. Depois de nove meses no comando da equipe de São Januário, Dorival Junior faturou 31 vitórias, 13 empates e apenas cinco derrotas.



Ficha Técnica

Duque de Caxias x Vasco da Gama

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro – RJDuque de Caxias
Vinícius; Oziel, Gustavo, Santiago e Marquinho; Mancuso, Leandro Teixeira, Juninho (Leandro Cruz) e Clayton (Thiaguinho); Gilcimar e Tony.
Técnico: Gilson Kleina.


Data: 26/09/2009 (sábado)
Horário: 16h10
Árbitro: Pablo dos Santos Alves - RJ

Vasco da Gama
Fernando Prass; Paulo Sérgio, Vilson, Gian e Ramon; Nilton, Mateus, Allan e Carlos Alberto; Robinho e Elton.
Técnico: Dorival Junior.