ABC 1 x 1 Guarani - Bugre completa a trinca sem vitórias!

por Agência Futebol Interior

Natal, RN, 24 (AFI) – Novamente o Guarani deixou escapar a vitória nos minutos finais. Atuando no Estádio Frasqueirão, em Natal, o Bugre ficou no empate, por 1 a 1, diante do ABC, pela 13ª rodada. Com isso, o time de Campinas completou sua terceira partida sem vencer. A última vitória foi diante do Brasiliense, por 2 a 1, dia 7 de julho.

O Bugre vem de empate com Duque de Caxias e derrota contra o Paraná. Com isso, o Guarani segue na primeira colocação, com 28 pontos, mas pode ver a vantagem cair para somente dois pontos em relação ao segundo colocado. Por outro lado, o ABC não vence desde o dia 13 de junho, quando bateu o Vila Nova, por 1 a 0. Com isso, é o penúltimo, com oito.

Show do árbitro!
O primeiro tempo foi marcado pelo show a parte do árbitro Mayro Frederico dos Reis Novais, do Maranhão, que distribuiu muito quatro cartões amarelos e dois vermelhos. O juizão mandou mais cedo para o chuveiro o volante Erandir, do ABC, logo aos 25 minutos de jogo. No final do primeiro tempo, ele aplicou o segundo amarelo em Carlos César, do Bugre, expulsando o jogador. No final da etapa inicial, ambos os times foram em direção ao trio de arbitragem, que teve que sair escoltado pela policia.

As duas primeiras chances de gol do primeiro tempo vieram de chutes de longe. O Bugre tentou aos 11 minutos, quando Carlos César invadiu a área e chutou cruzado. A bola foi forte e obrigou o goleiro Paulo Musse a fazer uma defesa difícil. O ABC aos 22, quando Bosco chutou de fora da área, mas a bola passou por cima do gol, sem assustar o goleiro Douglas

O jogo começou a ficar mais fácil para o time de Campinas quando Erandir recebeu o segundo amarelo e foi expulso. No lance seguinte, o Bugre abriu o placar. Aos 28, Nunes cobrou falta do lado esquerdo, a bola passou pelo meio da área e entrou rasteira no lado esquerdo do goleiro potiguar.

A melhor chance de empate do time de Natal aconteceu aos 32. Em jogada pelo lado direito, Bosco fez o cruzamento e Fábio Silva tocou de cabeça. A bola acertou o travessão, mas o árbitro havia assinalado impedimento. No minuto seguinte, Audálio chutou forte e Douglas segurou sem problemas. Aos 42, chutou da entrada da área, o goleiro bugrino defendeu e, no rebote, mandou por cima.

Tá fora!
Na confusão no meio-campo do final do primeiro tempo, o técnico do Guarani, Vadão, foi expulso pelo árbitro. Segundo o treinador, sua atitude se deu para retirar os jogadores que já tinham cartões amarelos de perto do árbitro.

Não valeu!
No segundo tempo, o árbitro não apareceu, pois no lance que poderia causar maior polêmica ele acertou. Aos 10 minutos, o Guarani chegou ao segundo gol, com Ricardo Xavier. Mas a arbitragem anulou o lance, pois o atacante do Bugre recebeu em posição de impedimento.

Mesmo assim o Guarani foi melhor e criou as melhores chances para consolidar os três pontos como visitante. Aos 14, Ricardo Xavier chutou cruzado e a bola passou muito perto. Três minutos depois, Walter Minhoca tentou da entrada da área, mas a bola passa por cima do gol de Paulo Musse, assustando os torcedores do time da casa.

Tentou, tentou e empatou!
O ABC começou a gostar do jogo e foi atrás do empate. O time potiguar levou as jogadas pelo lado direito, em sua maioria dos pés do lateral Bosco, que fez um carnaval pelo setor do campo. De tanto tentar, o time da casa chegou ao gol de empate aos 38. O atacante Ricardinho recebeu pelo lado direito do ataque e bateu de esquerda na saída do goleiro Douglas, a bola foi no ângulo.

Como se não bastasse o empate, o time da casa ainda criou oportunidades para fazer o segundo gol, mas faltou pontaria. O Bugre também teve chances para definir a vitória, mas Ricardo Xavier chutou em cima do goleiro Paulo Musse. A última chance foi uma cobrança de falta de Márcio Alemão, mas o chute foi pela linha de fundo.

Próximos Jogos!
Pela 14ª rodada, todos os jogos acontecem na próxima terça-feira, quando ambos jogam como visitantes. O ABC encara o Paraná, às 19h30, em Curitiba. Por outro lado, o Guarani joga diante da Portuguesa, às 21 horas, no Canindé.

Ficha Técnica

ABC 1 x 1 Guarani

Local: Estádio Frasqueirão, em Natal-RN
Árbitro: Mayro Frederico dos Reis Novais-MA
R$ 54.885,00
Público: 7.122 pagantes
Cartões amarelos: Bosco, Gaúcho, Fábio Silva e Fabiano (ABC); Nunes, Márcio Alemão, Adriano Gabiru e Douglas (Guarani)
Cartões vermelhos: Erandir (ABC); Carlos César (Guarani)
Gols: Ricardinho 38’/2T (ABC); Nunes 28’/1T (Guarani)

ABC
Paulo Musse; Audálio (Bruno Barros), Gaúcho e Fabiano; Bosco, Erandir, Marquinhos, Alex Oliveira (Ricardinho) e Sandro; Ivan (João Paulo) e Fábio Silva.
Técnico: Flávio Lopes.

Guarani
Douglas; Carlos César, Valdir, Márcio Alemão e Andrezinho; Cléber Goiano, Nunes, Adriano Gabiru (Eduardo) e Walter Minhoca (Alex Willian); Caíque (Nei Paraíba) e Ricardo Xavier.
Técnico: Vadão.