Vasco vence Atlético-MG nos pênaltis e conquista a Supercopa Sub-20

Campeão em Cariacica ao derrotar o Atlético-MG por 7 a 6 na disputa de pênaltis, após ceder a igualdade em 2 a 2.

por Agência Estado

São Paulo, SP, 22 - No mesmo dia em que praticamente selou o seu rebaixamento à Série B, o Vasco pode ter indicado o caminho para voltar à elite do futebol nacional: apostar nas promessas formadas nas suas divisões de base. No Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), conquistou o título da Supercopa Sub-20 ao derrotar o Atlético-MG por 7 a 6 na disputa de pênaltis, após ceder a igualdade em 2 a 2.

A Supercopa Sub-20 é disputada pelos vencedores do Brasileiro - o Atlético-MG - e da Copa do Brasil - Vasco - da categoria. Esta foi a quarta vez que a competição ocorreu, sendo que os outros vencedores foram Cruzeiro (2017), São Paulo (2018) e Flamengo (2019).

OUTRO TRIUNFO
Assim como havia ocorrido na Copa do Brasil Sub-20, o Vasco também passou pelo Atlético-MG em outra conquista da base na temporada 2020. Na Copa do Brasil, havia passado pelo clube de Belo Horizonte nas semifinais, antes de derrotar o Bahia na decisão.

Também foi campeão carioca, em dezembro, diante do Botafogo. E com essa nova taça assegurou participação na Libertadores Sub-20 da categoria em 2021.

COMEÇO EQUILIBRADO
A partida decisiva em Cariacica teve um primeiro tempo de equilíbrio, até que o Vasco conseguiu boa vantagem nos minutos finais. Abriu o placar com um golaço, aos 36 minutos, com Vinicius, que deu uma caneta no atleticano Talison e chutou cruzado, no cantinho. Logo depois, aos 40, Talison cortou mal um cruzamento e MT bateu para as redes: 2 a 0.

Na etapa final, o Vasco parecia ter o jogo sob controle, até que o Atlético-MG diminuiu com um bonito gol, aos 20 minutos, com uma bela finalização de esquerda de Luís Eduardo, no ângulo.

LUXEMBURGO DIZ QUE VASCO NÃO CAIU AGORA

COM UM A MENOS
Depois, o Vasco ficou com um a menos em campo, aos 36, com a expulsão de Arthur. E o Atlético-MG conseguiu igualar o placar aos 41 minutos, com Cadu afastando mal uma cobrança de falta e Pedro Henrique aproveitando para mandar às redes.

Na disputa de pênaltis, após 12 acertos, Menezes converteu a sétima cobrança vascaína e Cadu defendeu o chute do atleticano Matheus Alisson na sequência. Assim, o time cruzmaltino faturou a Supercopa Sub-20, dando algum alento ao seu torcedor em um dia de tanto sofrimento.