Flamengo x Internacional - A última corrida pelo título do Brasileirão?

A vitória para qualquer um dos lados escreve um novo capítulo na história do Campeonato Brasileiro 2020

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 20 (AFI) - Após uma corrida insana pela liderança do Campeonato Brasileiro, apenas dois concorrentes ficaram vivos na luta pelo título nacional: Flamengo e Internacional.

Após o São Paulo tropeçar no clássico diante do Palmeiras, por 1 a 1, um fato apresentou-se em um Brasileirão movido a incertezas: a taça de campeão ficará ou no Rio de Janeiro ou no Rio Grande do Sul.

PARA DEPENDER APENAS DE SI!

Atuando em casa, no Maracanã, o Rubro-negro continua com o foco naquela história de "depender apenas de si" que iniciou-se há algumas rodadas. Entretanto, para a teoria continuar funcionando, terá que bater o Inter no próximo domingo (21).

Conquistando os três pontos, o Fla não precisaria saber do resultado dos Colorados na última rodada do Brasileirão, já que uma simples vitória faria com que o time comandado por Rogério Ceni conquistasse o tão desejado título.

Gustavo Henrique (à esquerda) será titular contra o Internacional. Foto: Internacional/Divulgação
Gustavo Henrique (à esquerda) será titular contra o Internacional. Foto: Internacional/Divulgação

Como nem tudo é um mar de rosas, o Mengão tem um desfalque importante para a "decisão". Trata-se do volante Willian Arão, que fraturou um dedo do pé direito e, talvez, nem jogue mais na atual temporada.

No seu lugar, o mais provável é o zagueiro Gustavo Henrique, que gera, em boa parte da torcida rubro-negra, uma certa desconfiança. O defensor, no caso, formaria a dupla de zaga com Rodrigo Caio.

DIA D E HORA H?

De olho no título antecipado do Campeonato Brasileiro, o Inter poderá coroar a sua temporada em um dos maiores templos do futebol mundial: o Maracanã. Para isso, o Colorado terá que vencer o Fla no estádio, algo que não acontece desde a temporada 2015, quando os gaúchos venceram por 1 a 0, com gol de Ernando.

Patrick retorna ao time do Inter. Foto: Internacional/Divulgação
Patrick retorna ao time do Inter. Foto: Internacional/Divulgação

Entre os problemas e as boas notícias, o Inter de Abel Braga parece bem definido para o jogo mais importante da temporada. Apesar da ausência certa de Vítor Cuesta, que cumprirá suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo, diante do Vasco, o meio-campista Patrick volta ao time titular do Colorado.

Além disso, os gaúchos conseguiram pagar a alta taxa de R$ 1 milhão para ter o lateral-direito Rodinei na partida. A multa teve que ser paga já que o atleta pertence ao Flamengo e está emprestado.

GOSTOS DIFERENTES

Enquanto o Flamengo busca o bi seguido do Campeonato Brasileiro, o Internacional pretende conquistar a competição pela primeira vez no século XXI e neste modelo de disputa adotado no início dos anos 2000.

A última vez que o Colorado conquistou o Brasileirão foi em 1979, sendo assim, o time do Rio Grande do Sul jamais levantou o caneco na versão por pontos corridos.

DIEGO FALA SOBRE O SEU RESPEITO POR ABEL BRAGA. VEJA O VÍDEO!

Atualmente, o Inter tem 69 pontos e lidera o torneio, perseguido pelo Rubro-negro carioca, que vem na cola com 68 pontos. As equipes se enfrentam no próximo domingo (21), às 16 horas, no Maracanã, pela 37° rodada do Campeonato Brasileiro.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
37ª rodada
Data
21/02/2021
Horário
16h00
Local
Maracanã - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro
Raphael Claus (SP)

Assistentes
Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Neuza Ines Back (SP)

Público
Portões fechados
Cartões Amarelos
Flamengo-RJ: Diego, João Gomes, Natan, Pedro

Cartões Vermelhos
Internacional-RS: Rodinei
Gols
Flamengo-RJ: Arrascaeta 29' 1T, Gabigol 17' 2T
Internacional-RS: Edenilson 11' 1T
Flamengo-RJ
Hugo Souza;
Isla (Pedro), Rodrigo Caio (Natan), Gustavo Henrique e Filipe Luís;
Diego (João Gomes), Gérson, Everton Ribeiro e Arrascaeta;
Bruno Henrique e Gabi (João Lucas)
Técnico: Rogério Ceni
Internacional-RS
Marcelo Lomba;
Rodinei, Lucas Ribeiro, Zé Gabriel e Moisés;
Rodrigo Dourado (Johnny), Edenilson, Patrick (Maurício), Praxedes (Heitor) e Caio Vidal (Thiago Galhardo);
Yuri Alberto (Peglow)
Técnico: Abel Braga