Interino elogia 2º tempo do Vasco e tem esperança de mudanças com novo técnico

"Levamos os gols no primeiro tempo, mas no segundo ninguém marcou. É um sinal de que a equipe tem poder de reação"

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 18 (AFI) - Apesar da quarta derrota consecutiva do Vasco no Campeonato Brasileiro, o técnico interino Alexandre Grasseli acredita que o time carioca fez um bom segundo tempo contra o Internacional, neste domingo, e que isso dá esperança de uma mudança daqui para frente.

"Levamos os gols no primeiro tempo, mas no segundo ninguém marcou. É um sinal de que a equipe tem poder de reação. Como fez neste jogo, tem todas as condições de se recuperar durante a competição", ressaltou o auxiliar técnico que vai acompanhar agora o trabalho do português Ricardo Sá Pinto, que nesta segunda-feira assume o comando técnico no lugar de Ramon Menezes.

VEJA OS GOLS SOFRIDOS PELO VASCO

TÉCNICO ASSUME
O novo técnico esteve no Beira-Rio e viu a nova derrota cruzmaltina, que antes caiu diante do Flamengo, por 2 a 1, em São Januário; Bahia, por 3 a 0, em Salvador e para o Atlético-MG, por 4 a 1, no Mineirão. O time acumulou seu sexto jogo sem vitória no Brasileiro.

Mas a chegada do novo técnico parece ter contagiado e trazido esperança também aos jogadores. O volante Carlinhos espera que o clube vire a página a partir de agora.

"São coisas novas e a implantação de um novo comando sempre trazem esperança", comentou o jogador, sem deixar de lamentar mais um tropeço.

"Tivemos uma semana difícil com tantas indefinições. Esta sequência de derrotas (quatro) não é boa. Mas é levantar a cabeça e seguir em frente."

Vasco não segurou o forte ataque do Internacional
Vasco não segurou o forte ataque do Internacional


CONTRA O TIMÃO
Na próxima quarta-feira, às 21h30, o Vasco recebe o Corinthians em jogo válido pela 18.ª rodada do Brasileiro. O time paulista também vai buscar a reabilitação, porque em São Paulo acabou atropelado pelo Flamengo, por 5 a 1.