Internacional 2 x 1 Athletico-PR – Colorado sofre, mas segue na cola do Galo

Os três gols da partida foram marcados no primeiro tempo. Na etapa final o Inter teve trabalho para segurar o Athletico-PR

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 11 (AFI) – Não foi a melhor das partidas, mas o Internacional voltou a vencer neste domingo à noite, quando passou pelo Athletico-PR por 2 a 1, no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O grande destaque da partida foi o goleiro Marcelo Lomba, que fez ótimas defesas.

Com o resultado, o Internacional segue na cola do líder Atlético-MG. Os gaúchos aparecem na vice-liderança com 28 pontos ganhos – dois a menos que o Galo mineiro. Já o Athletico-PR segue sem regularidade na competição e permaneceu com os mesmos 15 pontos, mas agora caindo para o 15º lugar.

VEJA OS GOLS DO VICE-LÍDER

PRIMEIRO TEMPO MOVIMENTADO
Querendo se manter no topo de classificação, o Internacional começou o jogo tocando a bola e abriu o placar logo aos seis minutos. Após cobrança de escanteio de Heitor, Thiago Galhardo aproveitou falha na marcação e cabeceou com tranquilidade para as redes do goleiro Jandrei.

O Athletico-PR teve muitas dificuldades para encaixar troca de passes no setor ofensivo, principalmente pela forte marcação do time gaúcho. Aos 19 minutos, Abel Hernández recebeu ótimo passe, passou pela marcação e finalizou muito mal, sem susto para o goleiro rubro-negro.

A primeira boa jogada trabalhada no Athletico-PR aconteceu apenas aos 25 minutos. Richard roubou bola no meio-campo e tocou para Abner. O lateral-esquerdo cruzou rasteiro para Léo Cittadini, que finalizou muito fraco e nas mãos de Marcelo Lomba.

Jogadores comemoram um dos gols do Inter no Beira-Rio
Jogadores comemoram um dos gols do Inter no Beira-Rio

Mas foi o Internacional que ampliou o placar. Aos 37 minutos, Heitor deu ótimo passe para Abel Hernández, que cabeceou por cima do goleiro Jandrei e foi comemorar mais um gol com a camisa colorada.

Antes do intervalo, contudo, o Athletico-PR deu esperanças ao seu torcedor. Aos 41, Carlos Eduardo desceu em velocidade pelo lado e cruzou para Renato Kayser, que no meio dos defensores do Internacional conseguiu completar para o gol, diminuindo o marcador no Beira-Rio.

LOMBA GARANTE OS 3 PONTOS
No início do segundo tempo, o Inter teve a chance de ampliar o placar. Aos sete minutos, Marcos Guilherme recebeu passe, partiu para cima dos defensores e encontrou Abel Hernández, que finalizou nas mãos do goleiro Jandrei.

O Athletico-PR melhorou em campo e passou a pressionar o Internacional pelo empate. Tocando melhor a bola, Christian preferiu jogada individual e finalizou forte cruzado. Marcelo Lomba se esticou todo e mandou para fora. Linda defesa do goleiro colorado.

Sistema defensivo do Inter teve trabalho no segundo tempo
Sistema defensivo do Inter teve trabalho no segundo tempo

Aos 41, Ravanelli cobrou falta com categoria e mandou no travessão de Marcelo Lomba. A bola voltou para o meio da área, mas ninguém aproveitou. Não demorou e aos 47 os atacantes do Furacão consagraram Marcelo Lomba. Primeiro, Renato Kayser recebeu cruzamento e finalizou para defesa inacreditável do camisa 1. No rebote, Fabinho finalizou forte em cima do goleiro e não conseguiu empatar o jogo.

O Internacional conseguiu se segurar na defesa e aguardou o apito final para comemorar mais uma vitória da competição.

PRÓXIMOS JOGOS
O Internacional volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Sport, às 21h30, na Ilha do Retiro, em Recife (PE). Já o Athletico-PR, no mesmo dia e horário, receberá o Corinthians, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
15ª rodada
Data
11/10/2020
Horário
20h30
Local
Beira-Rio - Porto Alegre (RS)
Árbitro
Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Assistentes
Michael Correia (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)

Cartões Amarelos
Internacional-RS: Heitor, D'Alessandro

Gols
Internacional-RS: Thiago Galhardo 6' 1T, Abel Hernández 35' 1T
Athletico-PR: Renato Kayzer 11' 1T
Internacional-RS
Marcelo Lomba;
Heitor (Rodinei), Victor Cuesta, Zé Gabriel e Moisés;
Rodrigo Lindoso, Praxedes (Musto), Patrick (William Pottker) e Marcos Guilherme;
Abel Hernandez (D'Alessandro) e Thiago Galhardo (Yuri Alberto).
Técnico: Eduardo Coudet
Athletico-PR
Jandrei;
Jonathan (Walter), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner Vinícius;
Richard (Alvarado), Erick (Ravanelli), Christian e Léo Cittadini (Fabinho);
Carlos Eduardo (Pedrinho) e Renato Kayser.
Técnico: Eduardo Barros