União dos atletas marca apoio ao Figueirense 'para chamar atenção das autoridades'

Organizado pela Fenapaf, os atletas deram um toque na bola no ponta pé inicial do jogo e cruzaram os braços por 30 segundos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 14 (AFI) - O protesto realizado na nona rodada do Brasileirão em apoio aos profissionais do Figueirense ganhou adesão maciça da categoria representada pelos 20 clubes que disputam a primeira divisão do futebol nacional e teve repercussão positiva na mídia esportiva.

Organizado pela Fenapaf, os atletas deram um toque na bola no ponta pé inicial do jogo e cruzaram os braços por 30 segundos em solidariedade aos colegas e demais profissionais do clube catarinense que foram alvo de ataques covardes durante treinamento no estádio Orlando Scarpelli.

“Foi um ato para chamar atenção das autoridades de que não é mais possível admitir esse tipo barbaridade que denigre o futebol brasileiro.

Notificamos as autoridades catarinenses e chamamos as entidades de administração do futebol brasileiro para que o tema “violência” seja tratado como prioridade máxima”, disse o presidente da Fenapaf, Felipe Leite.

Desde já, a Fenapaf agradece o apoio de todos e parabeniza os atletas envolvidos no ato de solidariedade.