Coritiba 0 x 1 Flamengo - Arrascaeta garante primeira vitória de Domènec Torrent

A equipe da casa, por sua vez, acumulou o quinto revés consecutivo na temporada e assumiu a última colocação na tabela

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 15 - A torcida do Flamengo finalmente pôde comemorar a primeira vitória da equipe sob o comando do novo técnico Domènec Torrent. Depois de duas derrotas seguidas, o time carioca se recuperou com um triunfo por 1 a 0 sobre o Coritiba, no estádio Couto Pereira, na noite deste sábado, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

De volta ao time titular depois de ter começado no banco de reservas no surpreendente tropeço por 3 a 0 para o Atlético-GO, o meia uruguaio Arrascaeta foi o destaque da partida e o autor do gol que tira o clube rubro-negro da lanterna da competição.

A equipe da casa, por sua vez, acumulou o quinto revés consecutivo na temporada e assumiu a última colocação na tabela.

Os dois times voltam a campo na quarta-feira. O Flamengo recebe o Grêmio às 19h15, no Maracanã, enquanto o Coritiba visita o Corinthians às 21h30, em Itaquera.

O JOGO

As duas equipes entraram pressionadas pelas derrotas acumuladas nas primeiras rodadas do Brasileirão. No Coritiba, a principal novidade era o retorno do experiente zagueiro Rhodolfo, poupado por questões físicas nos jogos contra Internacional e Bahia.

Já no Flamengo, a maior expectativa era quanto à atuação do garoto João Lucas, lateral-direito de origem que herdou a posição deixada por Rafinha, que se transferiu para o Olympiacos. Além disso, Arrascaeta voltava ao time titular na vaga de Vitinho, enquanto César substituía o suspenso Diego Alves no gol.

Sem improvisos e com uma formação mais próxima àquela que o torcedor rubro-negro estava acostumado a ver antes da chegada de Torrent, o Flamengo se impôs com relativo conforto no primeiro tempo: 65% da posse de bola e dez finalizações, contra três do Coritiba.

A melhor chance do time mandante aconteceu aos 12 minutos, em lançamento longo para Robson. O atacante até chegou a dominar a bola dentro da área, mas César saiu bem do gol para abafar.

ARRASCAETA, O HOMEM DO JOGO

Tirando isso, só deu Flamengo, com destaque para Arrascaeta. Primeiro, ele fez um grande lance individual aos 25 minutos e acertou o travessão, chutando de fora da área, depois de passar por dois marcadores.

Logo depois, aos 27, Bruno Henrique tentou cruzar da esquerda para Gabigol e a bola sobrou para o uruguaio. O camisa 14 dominou com tranquilidade, se livrou da marcação e chutou rasteiro na saída do goleiro Wilson para abrir o placar.

FLAMENGO MANTÉM RITMO

A dinâmica do duelo continuou após o intervalo, com o Flamengo mais presente no campo adversário. Aos 11 minutos, Arrascaeta entrou em velocidade na grande área e caiu na disputa com Rhodolfo, mas o árbitro mandou o jogo seguir sob protestos da equipe visitante.

A situação ficou ainda mais difícil para o Coritiba logo na sequência do mesmo lance, quando Renê Júnior cometeu falta dura sobre João Lucas e recebeu o segundo cartão amarelo, deixando o time da casa com um homem a menos em campo.

CHANCE PERDIDA

O Flamengo ainda teve uma ótima chance aos 19 minutos. A defesa do Coritiba não conseguiu cortar um lançamento longo de João Lucas e a bola sobrou limpa para Bruno Henrique avançar em velocidade, no mano a mano com Rhodolfo, enquanto Gabigol entrava livre no meio da área. O passe, no entanto, não saiu no capricho e foi bloqueado pelo zagueiro.

NEILTON APROVOU SUA ESTREIA

Pedro ainda chegou a balançar a rede de cabeça, aos 31 minutos, mas o lance foi anulado por impedimento do centroavante. O Flamengo só voltou a chegar com perigo nos acréscimos, novamente com Arrascaeta, mas Wilson impediu o segundo gol do uruguaio.

No fim das contas, foi uma atuação sem sustos e suficiente para aliviar a pressão, mas ainda um pouco longo do desempenho que a torcida flamenguista estava "mal acostumada" a assistir.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
3ª rodada
Data
15/08/2020
Horário
19h30
Local
Couto Pereira - Curitiba (PR)
Árbitro
Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)

Assistentes
Kleber Lucio Gil (SC) e Helton Nunes (SC)

Cartões Amarelos
Coritiba-PR: Jonathan, Renê Júnior, Nathan Silva, Ruy, Rodolfo Filemon
Flamengo-RJ: Gerson, Bruno Henrique, Diego

Cartões Vermelhos
Coritiba-PR: Renê Júnior
Gols
Flamengo-RJ: Arrascaeta 27' 1T
Coritiba-PR
Wilson;
Jonathan, Rhodolfo, Sabino e William Matheus;
Nathan Silva (Ruy), Renê Júnior e Matheus Galdezani;
Robson (Sassá), Igor Jesus (Matheus Bueno) e Yan Sasse (Neilton).
Técnico: Eduardo Barroca
Flamengo-RJ
César;
João Lucas, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís;
Willian Arão, Gérson, Everton Ribeiro e Arrascaeta;
Bruno Henrique (Pedro) e Gabriel (Diego).
Técnico: Domènec Torrent