Vasco x Bahia - Cruzmaltino quer usar São Januário para frear o Tricolor

O Vasco só perdeu uma vez em seu estádio, mas Bahia vem de duas vitória seguidas e não perde desde a décima rodada

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 06 (AFI) – Alternando entre vitórias e derrotas, o Vasco quer usar mais uma vez seu estádio, São Januário, para somar três pontos na 18ª rodada do Brasileirão. Neste sábado, às 11h, o time recebe o Bahia, que busca sua terceira vitória seguida e está invicto desde a décima rodada.

Após perder por 1 a 0 para o Cruzeiro no Mineirão, o Vasco ficou com 20 pontos na 15ª colocação. Apesar da posição modesta, o time já tem seis pontos de diferença para a Chapecoense, que abre o Z4. A única derrota do Cruzmaltino em seu estádio foi na segunda rodada – 2 a 1 para o Atlético-MG.

A última derrota do Bahia foi diante do Santos por 1 a 0 no Pituaçu. Nas últimas duas rodadas, o time superou Atlético-MG e CSA, ambos por 1 a 0. Com isso, chegou a 27 pontos na oitava colocação, apenas a quatro pontos do São Paulo, que fecha o G4.

LUXA DÁ CHANCE PARA PRATAS DA CASA

A lista de relacionados por Vanderlei Luxemburgo contará com seis novidades: o volante Bruno Gomes, o meia Gabriel Pec e os atacantes Figueiredo, Clayton, Ribamar e Kaio Magno. Este último é irmão de Talles Magno, que está com a seleção brasileira sub-17.

Por outro lado, o treinador deixou de fora os meias Valdivia e Bruno César. O primeiro por opção técnica e o segundo não participou dos treinamentos por lesão.

DANILO BARCELOS AVANÇADO?

Luxemburgo testou avançar o lateral Danilo Barcelos para jogar como armador pelo lado esquerdo. Outra opção é deixa-lo na lateral e já colocar Gabriel Pec, promessa de 18 anos, no lugar de Talles.

Foto: Rafael Ribeiro / Vasco
Foto: Rafael Ribeiro / Vasco

DESFALQUE NO BAHIA

Já no Bahia, o treinador Roger Machado não poderá contar com o atacante Artur Victor, convocado por André Jardine para a seleção olímpica. Élber e Arthur Caíke são as opções para o setor.

Outra dúvida é se mantém ou a trinca no meio-campo com jogadores mais defensivos, formada por Gregore, Flavio e Ronaldo. Guerra é uma opção para deixar o setor mais ofensivo e, caso se concretize, Ronaldo deve sair.

ESTRATÉGIA

"O Vasco vai pressionar. Precisamos de meio-campo forte, e não podemos abrir mão de jogar. Ontem testei alternativas para hoje poder definir, escolher melhor estratégia para o jogo. Não sei, ainda vou decidir", disse Roger.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
18ª rodada
Data
07/09/2019
Horário
11h00
Local
São Januário - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro
Caio Max Augusto Vieira - RN

Renda
R$ 756.379,00.
Assistentes
Guilherme Dias Camilo - MG e Jean Marcio dos Santos - RN

Público
19.195 pagantes.
Gols
Bahia-BA: Nino Paraíba 10' 2T, Gilberto 15' 2T
Vasco da Gama-RJ
Fernando Miguel;
Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Leandro Castan e Henrique (Danilo Barcelos);
Fellipe Bastos (Gabriel Pec), Marcos Júnior e Raul;
Marrony, Clayton (Ribamar) e Rossi.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Bahia-BA
Douglas Friedrich;
Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés;
Gregore, Ronaldo e Flávio;
Élber (Arthur Caíke), Gilberto (Fernandão) e Lucca (Guerra).
Técnico: Roger Machado