Ceará x Bahia - Vovozão tem o 'jogo da vida' dentro de casa

Se ganhar, o time praticamente garante uma boa posição para a parada da Copa América

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 07 (AFI) – O Ceará teve uma semana completa de trabalho para o confronto direto deste sábado. O técnico Enderson Moreira traçou como objetivo ficar fora da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro antes da parada para a Copa América. Até aqui tem dado certo, mas o jogo desta 8ª rodada é fundamental para o futuro. Jogando no Castelão, em Fortaleza (CE), o elenco recebe o Bahia às 19h30.

Com nove pontos, o Ceará vem de derrota para o Santos dentro de casa, por 1 a 0, e perdeu duas posições na classificação, aparecendo na 11ª posição. Ainda assim, está distante da zona de rebaixamento e um resultado positivo neste final de semana tranquiliza o torcedor. Já o Bahia vem de duas vitórias consecutivas e está com 13 pontos, brigando pelo G4.

MUDANÇAS

A principal novidade deve ser na lateral esquerda. Com um desconforto muscular na coxa, João Lucas deve dar lugar a Thiago Carleto. O volante William Oliveira voltou a treinar com bola durante a semana, mas fez um trabalho mais leve, separado do restante do elenco. A recuperação rápida impressionou o departamento médico, mas a tendência é que ainda leve um tempo para ele ser liberado.

CONFIRA MAIS INFORMAÇÕES DO CEARÁ!

DE BOA

Como o atacante Élber treinou normalmente depois de ter sido poupado da atividade da última quarta-feira por conta de uma indisposição intestinal, Roger Machado vai manter a mesma formação que começou o jogo do último final de semana, quando o Bahia venceu o Grêmio, por 1 a 0, em Salvador.

CONFIRA MAIS INFORMAÇÕES DO BAHIA!

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
8ª rodada
Data
08/06/2019
Horário
19h30
Local
Castelão - Fortaleza (CE)
Árbitro
Thiago Duarte Peixoto (SP)

Assistentes
Emerson Augusto de Carvalho e Bruno Salgado Rizo (SP)

Cartões Amarelos
Ceará-CE: Ricardinho, Samuel Xavier
Bahia-BA: Artur, Gregore

Ceará-CE
Diogo Silva;
Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e Thiago Carleto;
Fabinho, Ricardinho, Fernando Sobral e Thiago Galhardo;
Rick (Leandro Carvalho) e Bergson (Romário Rodrigues).
Técnico: Enderson Moreira
Bahia-BA
Douglas Friedrich;
Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Moisés;
Gregore, Elton (Ramires) e Douglas;
Artur, Fernandão (Rogério) e Elber (Arthur Caike)
Técnico: Roger Machado