Fluminense 0 x 1 Santos - Resultado que garante Jair Ventura no cargo?

O treinador vai ter seu trabalho avaliado pela diretoria durante a pausa para a Copa do Mundo

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 13 (AFI) - Mesmo sentindo falta de Rodrygo - não jogou porque negocia com o Real Madrid-ESP -, o Santos foi até o Rio de Janeiro na noite desta quarta-feira e venceu o Fluminense, por 1 a 0, em pleno Maracanã, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A vitória alivia um pouco a pressão em cima de Jair Ventura, que terá sua situação avaliada pela diretoria alvinegra durante a pausa para a Copa do Mundo. Com um jogo a menos que os demais, o Santos chegou aos 13 pontos e não corre o risco de entrar na zona de rebaixamento.

Por outro lado, o Fluminense vai para a pausa da Copa vivendo um inferno astral. Com quatro derrotas seguidas, o Tricolor das Laranjeiras estaciona nos 14 pontos e fica mais próximo da zona de rebaixamento do que dos líderes. A torcida presente no Maracanã não economizou nas vaias após a partida.

O primeiro tempo no Maracanã foi bastante truncado e sem muitos lances de perigo
O primeiro tempo no Maracanã foi bastante truncado e sem muitos lances de perigo

NÃO FOI BOM
Apesar de ter mais posse de bola, o Fluminense encontrava muitas dificuldades para furar o bloqueio santista, tanto que a partida só foi ter emoção depois dos 20 minutos. Pablo Dyego chutou forte nas mãos de Vanderlei. A resposta do Peixe veio em finalização de Jean Motta, que exigiu grande defesa de Júlio César.

O Fluminense abusava da dependência com Pedro, que era o jogador mais lúcido. Após passe do atacante, Pablo Dyego foi travado por Gustavo Henrique. Em uma das melhores oportunidades, aos 43, Gilberto foi até a linha de fundo e cruzou para dentro da área. A bola passou por Pablo Dyego e Pedro. Depois disso, o Santos segurou a bola até o intervalo.

O Santos voltou melhor do intervalo e mereceu a vitória sobre o Fluminense
O Santos voltou melhor do intervalo e mereceu a vitória sobre o Fluminense

PEIXE MERECEU O GOL
Na melhor chance da partida até então, o Santos quase abriu o placar aos 12 minutos. Gabriel foi até a linha de fundo e cruzou na segunda trave. Luan Peres não alcançou e Bruno Henrique, livre de marcação, cabeceou pela linha de fundo. A resposta do Flu veio em finalização de Douglas por cima do gol.

O Peixe voltou mais perigoso do intervalo. Jean Motta cruzou rasteiro e por muito pouco Gabriel não conseguiu completar para as redes. A torcida tricolor presente no Maracanã já começava a esboçar as primeiras vaias.

Aos 38 minutos, Diego Pituca deu grande lançamento para Bruno Henrique, que dominou no peito e, livre de marcação, bateu por baixo de Júlio César. No último lance da partida, Pedro soltou a bomba de fora da área e assustou Vanderlei.

PRÓXIMOS JOGOS
Por conta da pausa para a Copa do Mundo, os dois times só voltam a campo no dia 19 de julho, pela 13ª rodada. O Fluminense faz o clássico contra o Vasco da Gama, às 20 horas, em São Januário, no Rio de Janeiro. No mesmo horário, o Santos enfrenta o Palmeiras, no Pacaembu, em São Paulo.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
12ª rodada
Data
13/06/2018
Horário
19h00
Local
Maracanã - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro
Rafael Traci (AB/PR)

Renda
R$ 173.580,00
Assistentes
Ivan Carlos Bohn (AB/PR) e Rafael Trombeta (AB/PR)

Público
6.475 pagantes (7.438 total)
Cartões Amarelos
Fluminense-RJ: Mateus Norton, Douglas
Santos-SP: Alison, Diego Pituca, Renato

Gols
Santos-SP: Bruno Henrique 38' 2T
Fluminense-RJ
Júlio César;
Ibañez (Sornoza), Nathan e Luan Peres;
Mateus Norton, Richard, Douglas, Jadson (Dodi) e Marlon;
Pablo Dyego (Dudu) e Pedro.
Técnico: Abel Braga
Santos-SP
Vanderlei;
Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz e Dodô;
Alison (Copete), Diego Pituca, Jean Motta (Renato) e Léo Cittadini;
Bruno Henrique e Gabriel (Vitor Bueno).
Técnico: Jair Ventura
 
 
" />