Chapecoense x Cruzeiro - Reabilitação contra a Raposa, Chape?

O time celeste é um dos favoritos ao título, enquanto o Verdão tenta fugir da zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 08 (AFI) – Tratado como o principal favorito ao título do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro tenta buscar uma maior regularidade para diminuir a diferença para o líder Flamengo. O próximo desafio da Raposa, visando entrar no G4, é diante da Chapecoense, em partida marcada para este sábado, às 19h, na Arena Condá.

O Cruzeiro vem de quatro jogos sem derrotas e soma 17 pontos na tabela de classificação, contra 23 do Flamengo. É o quinto colocado. A principal deficiência é o ataque, com apenas quatro gols marcados, mas tem a defesa menos vazada, com quatro sofridos.

Já a Chapecoense luta para se afastar da zona de rebaixamento. o time catarinense vem de derrota para o Vitória por 1 a 0, que o fez cair para a 16ª posição, com dez pontos, um a mais do que o Atlético-PR, primeiro dentro do descendo. A palavra de ordem é reabilitação.

DE OLHO NA CHAPE!
O técnico Gilson Kleina fechou a preparação da Chapecoense para o confronto diante do Cruzeiro, neste sábado, no Mineirão, com um treino fechado à imprensa. Com o time em situação delicada no Brasileirão, flertando com a zona de rebaixamento, o treinador optou pelo mistério e não deu pistas sobre quem começará o duelo.

Chape conta com apoio da torcida para superar o Cruzeiro - Reprodução/Chapecoense
Chape conta com apoio da torcida para superar o Cruzeiro

A expectativa é pelo retorno de Leandro Pereira, que cumpriu suspensão automática após ser expulso no empate por 3 a 3 diante do Atlético Mineiro. O jogador deve assumir a vaga de Nadson e formar o trio ofensivo com Wellington Paulista e Arthur Kaíque.

Outra novidade fica em cima da própria volta de Gilson Kleina. Como também foi expulso contra o Atlético-MG, ele assistiu ao último jogo das tribunas. O auxiliar Juninho comandou o time do banco de reservas.

O treinador ainda poderá contar com o zagueiro Nery Bareiro e o atacante Osman. A dupla está recuperada de lesão e devem ficar entre os suplentes. A confirmação, no entanto, sairá apenas minutos antes da partida.

“Estamos disputando um mini campeonato mineiro. Fizemos um grande jogo contra o Atlético. Conseguimos mostrar pode de superação com um homem a menos, mas não tivemos o mesmo desempenho diante do Vitória, um intruso no meio dos mineiros. Temos dois jogos complicados pela frente (Cruzeiro e América) e precisamos somar o maior número de pontos possíveis antes da Copa para conseguirmos trabalhar com mais tranqüilidade. O Mano é um grande técnico, experiente, mas confiamos no nosso potencial e vamos para surpreende-los”, disse Gilson Kleina.

E A RAPOSA?
O Cruzeiro viajou para Chapecó com desfalques. O técnico Mano Menezes, que recusou um convite para assumir o Sporting, de Portugal, não poderá contar com Rafinha. O jogador acabou de se recuperar de uma pubalgia e foi preservado. Ariel Cabral e Mancuello também não foram relacionados.

Cruzeiro vem de um empate diante do Vasco da Gama - Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.
Cruzeiro vem de um empate diante do Vasco da Gama

Por outro lado, o treinador poderá contar com Lucas Romero, recuperado de um corte no pé direito. No entanto, o jogado brigará pela posição de titular com Lucas Silva, que vem feito bons jogos com a camisa da Raposa.

“O time da Chapecoense é bem coeso, sabe jogar, é bem organizado em campo. Sempre foram jogos difíceis contra eles. Sabemos da dificuldade que é e como é o Brasileirão como um todo. Vamos pra lá sabendo que será mais um jogo difícil, mas que o Cruzeiro também tem feito bons jogos e bons resultados fora de casa. Vamos para mais uma partida difícil, mas espero que possamos buscar o resultado positivo, que é nosso objetivo”, falou Henrique.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
11ª rodada
Data
09/06/2018
Horário
19h00
Local
Arena Condá - Chapecó (SC)
Árbitro
Grazianni Maciel Rocha (RJ)

Renda
R$ 136.420,00
Assistentes
João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)

Público
6.6637 total
Cartões Amarelos
Chapecoense-SC: Elicarlos, Arthur Caíke
Cruzeiro-MG: Edilson, Robinho, Rafael Sóbis

Gols
Chapecoense-SC: Bruno Silva 34' 2T, Elicarlos 49' 2T
Chapecoense-SC
Jandrei;
Apodi (Eduardo), Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco;
Elicarlos, Márcio Araújo e Canteros;
Arthur Caíke (Bruno Silva), Wellington Paulista (Luiz Antonio) e Leandro Pereira
Técnico: Gilson Kleina
Cruzeiro-MG
Fábio;
Edilson, Dedé, Léo e Egídio;
Henrique, Bruno Silva (Marcelo), Robinho, Thiago Neves (Lucas Romero) e Rafael Sobis;
Sassá (Raniel
Técnico: Mano Menezes
 
 
" />