Bahia x Botafogo - Fogão tenta surpreender fora de casa para colar no G6

Por outro lado, os donos da casa precisam dos três pontos para sair da zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 08 (AFI) - Em uma das partidas que abre a 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A nesse sábado, Bahia e Botafogo se enfrentam na Arena Fonte Nova, em Salvador. Mesmo jogando fora de casa, o Botafogo tenta embalar mais um resultado positivo para colar no G6. Por outro lado, os donos da casa precisam dos três pontos para sair da zona de rebaixamento.

Após dez jogos disputados no Brasileirão, o Botafogo ocupa apenas a 13ª colocação, com 13 pontos. Por outro lado, o Bahia vive um momento totalmente diferente na tabela. Tanto que o time baiano é o vice-lanterna, com oito pontos, dois a menos do que a Chapecoense, que abre a zona de rebaixamento.

Bahia e Botafogo se enfrentam na 11ª rodada do Brasileirão
Bahia e Botafogo se enfrentam na 11ª rodada do Brasileirão
COM INTERINO NO COMANDO, TRICOLOR BAIANO QUER VENCER
Na expectativa de anunciar Zé Ricardo, o Bahia segue apostando no auxiliar Cláudio Prates para as duas últimas rodadas antes da parada para a Copa do Mundo. Sendo assim, comandará o clube pela segunda vez consecutiva no Campeonato Brasileiro. O desafio da vez é contra o Botafogo.

Criticado por atuar com três volantes contra o Paraná, Prates deve colocar um Bahia mais ofensivo diante do Botafogo. Com isso, Régis pode voltar ao time titular na vaga de Flávio, mas não está descartada a possibilidade de contar com Allione, ex-Palmeiras, entre os titulares. Ele, inclusive, foi uma das apostas do técnico na rodada passada.

No entanto, Cláudio Prates segue tendo que se virar com desfalques. Edigar Junior e Junior Brumado seguem vetados pelo departamento médico. Provável novo reforço da equipe, Gilberto, ex-Vasco e São Paulo, já treina no Fazendão, mas ainda não foi regularizado. Viníicus e Elber seguem, então, no setor ofensivo.

“Saímos muito triste pela derrota contra o Paraná, mas segue a vida. Nosso foco agora é contra o Botafogo. Enquanto estiver no comando do clube, vou fazer o possível para ajudá-lo. O grupo está unido e disposto a tirar o Bahia dessa situação. Ninguém está satisfeito aqui”, falou Prates.

APESAR DAS DIFICULDADES, BOTA QUER SURPREENDER FORA DE CASA
O técnico do Botafogo, Alberto Valentim, falou nesta sexta-feira sobre as dificuldades que o time deve enfrentar no duelo contra o Bahia, no domingo. Apesar de o adversário ocupar a penúltima colocação na tabela e vir de três derrotas consecutivas, o treinador do time alvinegro destacou a força da equipe baiana quando atua em seus domínios.

"O Bahia propõe muito o jogo e o torcedor sempre vai. Vi uma entrevista do Guto (Ferreira) agradecendo a presença dos torcedores, que estavam comparecendo muito e temos que estar preparados. Depois pensamos no Atlético-PR, que será só na quarta-feira", destacou Valentim.

Para o treinador, a posição no meio da tabela acontece pela oscilação da equipe nas partidas.

"Precisamos ser mais regulares, coisa que perdemos um pouco. Contra o São Paulo fizemos um bom jogo, não conseguimos vencer. Fizemos uma boa partida contra o Vasco e conseguimos a vitória. Ali poderíamos ter feito as duas vitórias seguidas. Não conseguimos manter a mesma atuação contra o Ceará e precisamos repetir o nível de atuação que nos leve a vitória", comentou.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
11ª rodada
Data
10/06/2018
Horário
16h00
Local
Arena Fonte Nova - Salvador (BA)
Árbitro
Leandro Bizzio Marinho (SP)

Renda
R$ 189.549,00
Assistentes
Daniel Luis Marques e Daniel Paulo Ziolli (Ambos SP)

Público
12.479 pagantes
Cartões Amarelos
Bahia-BA: Régis, Élber, Kayke, Lucas Fonseca, Nino Paraíba
Botafogo-RJ: Leo Valencia, Aguirre, Moisés

Cartões Vermelhos
Botafogo-RJ: Aguirre
Gols
Bahia-BA: Régis 48' 1T, Vinícius 28' 2T, Allione 48' 2T
Botafogo-RJ: Kieza 12' 1T, Kieza 4' 2T, Leo Valencia 38' 2T
Bahia-BA
Douglas;
Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo;
Gregore (Geovane Itinga), Elton (Vinícius), Zé Rafael e Régis (Allione);
Élber e Kayke.
Técnico: Cláudio Prates (interino)
Botafogo-RJ
Jefferson;
Marcinho, Marcelo Benevenuto, Igor Rabello e Moisés;
Rodrigo Lindoso (Marcelo), Matheus Fernandes e Léo Valencia;
Rodrigo Pimpão (Luiz Fernando), Aguirre e Kieza (Brenner).
Técnico: Alberto Valentim
 
 
" />