Cruzeiro 2 x 0 Sport - Leão recebe presente de grego da Raposa

No dia em que completou 113 anos, o time pernambucano foi derrotado no Mineirão

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 13 (AFI) - No dia em que completou 113 anos de história, o Sport recebeu um presente de grego do Cruzeiro. Em uma manhã inspirada do uruguaio Arrascaeta, que deu uma assistência e fez um gol, o time mineiro ganhou dos pernambucanos por 2 a 0, neste domingo, no Mineirão, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

Sem perder há cinco jogos, o Cruzeiro chegou a segunda vitória seguida no nacional e se distanciou da zona de rebaixamento, chegando aos mesmos sete pontos do Sport, que vinha de dois resultados positivos seguidos. O time mineiro leva vantagem no saldo de gols (1 contra -2).

PRIMEIRO TEMPO

Antes mesmo do primeiro minuto, Arrascaeta recebeu de Robinho e bateu forte. Magrão tentou segurar, mas soltou nos pés de Sassá, que mandou para fora. A arbitragem já assinalava impedimento do atacante cruzeirense. A resposta do Sport veio no lance seguinte. Rogério invadiu a área e chutou em cima de Fábio.

Após um início alucinante, a partida caiu um pouco de produção. O Cruzeiro tinha mais posse de bola, enquanto o Sport apostava no contra-ataque. Sandero foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Rogério desviar. A bola só não entrou porque Léo mandou para escanteio de carrinho. Na cobrança de Marlone, Ronaldo Alves cabeceou ao lado da trave.

O Cruzeiro teve um gol anulado aos 33 minutos. Egídio cruzou rasteiro e Sassá, em posição duvidosa, completou de carrinho. Na sequência, Gabriel recebeu dentro da área e bateu para boa defesa de Fábio. Quando parecia que o primeiro tempo terminaria empatado, Arrascaeta cruzou e Dedé cabeceou no cantinho de Magrão, que nada pôde fazer.

SEGUNDO TEMPO
Logo no início do segundo tempo, Arracaeta cruzou e Sassá chegou um pouco atrasado. Aos dez minutos, o Cruzeiro ampliou no Mineirão. Arrascaeta bateu colocado de fora da área e não deu chances para Magrão. O segundo gol dos donos da casa fez o Sport se lançar um pouco mais ao ataque.

Marlone arriscou de fora da área, mas pegou muito mal e isolou a bola, que quase saiu na lateral. Tranquilo, o Cruzeiro trocava passes esperando encontrar um espaço na defesa rubronegra para marcar o terceiro. E ele quase veio nos minutos finais.

Arrascaeta cobrou falta na marca do pênalti e Dedé cabeceou forte para grande defesa de Magrão. Na sequência, Fabrício puxou para o meio e Fábio espalmou para escanteio. O goleiro cruzeirense voltaria a trabalhar em finalização rasteira de Rogério. Nos acréscimos, Dedé demorou para cobrar tiro de meta e recebeu o cartão amarelo, virando desfalque para o clássico contra o Atlético-MG.

PRÓXIMOS JOGOS

O Cruzeiro volta a campo no próximo sábado, quando faz o clássico diante do Atlético-MG, às 16 horas, na Arena Independência, em Belo Horizonte. No mesmo horário, mas no domingo, o Sport recebe o Corinthians, na Ilha do Retiro, em Recife.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
5ª rodada
Data
13/05/2018
Horário
11h00
Local
Mineirão - Belo Horizonte (MG)
Árbitro
Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Renda
R$ 407.831,00
Assistentes
Rodrigo Figueiredo Corrêa e Luiz Cláudio Regazone (RJ)

Público
19.390 pagantes (21.907 total)
Cartões Amarelos
Cruzeiro-MG: Sassá, Dedé
Sport-PE: Ronaldo Alves, Gabriel, Sander

Gols
Cruzeiro-MG: Dedé 46' 1T, Arrascaeta 10' 2T
Cruzeiro-MG
Fábio;
Lucas Romero, Dedé, Léo e Egídio;
Lucas Silva, Henrique, Robinho (Mancuello), Rafinha (Rafael Sóbis) e Arrascaeta;
Sassá (Raniel).
Técnico: Mano Menezes
Sport-PE
Magrão;
Claudio Winck (Fabrício), Ronaldo Alves, Ernando e Sander;
Anselmo, Fellipe Bastos, Neto Moura (Everton Felipe) e Marlone;
Rogério e Gabriel (Carlos Henrique).
Técnico: Claudinei Oliveira
 
 
" />