Corinthians 2 x 0 Ponte Preta - Timão estraga festa de Guto e encosta no G4

O clube da capital paulista estragou qualquer possibilidade da Macaca se vingar da eliminação no Paulistão

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 02 (AFI) - Muitos duvidam, mas o Corinthians está vivo na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Na noite desta quinta-feira, o Timão bateu uma das sensações da competição, a Ponte Preta pelo placar de 1 a 0, gol marcado pelo meia Jadson, em partida realizada na Arena Corinthians, em São Paulo, pela 10ª rodada, e voltou a encostar no G4, fazendo com que a Macaca não conseguisse se vingar da derrota sofrida nas quartas de final do Paulistão, por 1 a 0, quando teve um gol mal anulado.

A partida foi especial para o técnico Guto Ferreira, que completou 100 jogos no comando técnico da Ponte Preta. A Macaca, porém, não teve sorte, voltou a perder, e ficando apenas na oitava colocação com 16 pontos, a três do Atlético-PR. O Furacão é o primeiro time dentro do G4.

O Corinthians, por sua vez, engatou a segunda vitória seguida e voltou a brigar por uma vaga na Copa Libertadores da América 2016. Tite vem dando conta do recado, reformulou o elenco e deixou o clube, ao final da décima rodada, na quinta colocação com 19 pontos, perdendo no saldo de gols para o Atlético-PR (5 a 1)

LOMBA SALVA, MAS...
Mesmo diante de todas as dificuldades e no meio de uma reformulação, o Corinthians vem conseguindo mostrar sua cara. Logo aos cinco minutos, Malcom tabelou com Vagner Love e obrigou o goleiro Marcelo Lomba fazer a primeira grande defesa. O arqueiro fazia uma grande partida, pegou um cabeceio de Cássio e impedia que o Timão abrisse o marcador mesmo com a pressão.

Corinthians sofreu, mas derrotou a Ponte Preta
Corinthians sofreu, mas derrotou a Ponte Preta

A Ponte Preta não conseguia se encaixar, sofria para chegar com perigo e só foi ter uma boa chance aos 28 minutos. Diego Oliveira aproveitou o cruzamento de Renato Cajá e mandou para fora. O lance não assustou o Corinthians, que seguia em cima, mas novamente brilhou a estrela de Lomba. Malcom recebeu livre de marcação, chutou e parou no goleiro. No rebote, Renato Augusto tinha o gol livre, porém, Gilson chegou primeiro e travou a bola.

Aos 40 minutos, não teve jeito. Lomba não pegou e o Corinthians marcou. Renato Augusto puxou o contra-ataque e rolou para Elias. O volante da seleção brasileira tocou na medida para Jadson, que arriscou o chute e mandou para o fundo das redes. Depois, foi só segurar e deixar o primeiro tempo acabar com a vitória parcial no marcador.

TIMÃO SEGURA A MACACA!
O Corinthians voltou para a segunda etapa com a clara intenção de ampliar e por pouco não conquistou o objetivo. Aos dois minutos, Malcom recuperou a bola no meio de campo e tocou para Jadson. O meia chutou e Marcelo Lomba buscou no ângulo. Na sequência, o ex-jogador do São Paulo arriscou de novo, porém, desta vez, foi pela linha de fundo.

A Ponte Preta foi, aos poucos, equilibrando a partida. Aos dez minutos, Gilson foi até a linha de fundo e cruzou. A bola passou por Renato Cajá e caiu nos pés de Felipe Azevedo. Cássio estava fora do lance, mas o atacante mandou por cima, perdendo um gol feito. A resposta veio na sequência. Malcom chutou e Lomba defendeu novamente.

O jogo ficou mais aberto, a Macaca também arriscava, mas via Cássio brilhar. Aos 12 minutos, Diego Oliveira deixou Gil para trás e chutou. O goleiro alvinegro chutou e fez um milagre. Aos 14 minutos, por pouco Cajá não fez mais uma de suas pinturas. O meia tentou olímpico, a bola ia entrando, mas o arqueiro tirou de cima da linha.

Nos minutos finais, a Ponte Preta pressionou, desperdiçou boas oportunidades de empatar e cometeu um erro crucial que decretou a vitória corintiana. Aos 50 minutos, Fernando Bob "dorme" dentro da área e cede a bola para Vagner Love. O atacante do amor só teve o trabalho de estufar as redes.

PRÓXIMOS JOGOS
Na próxima rodada o Corinthians enfrenta o Goiás no domingo, às 16h, no Estádio do Serra Dourada, em Goiânia. Já a Ponte Preta joga diante do Palmeiras no mesmo dia, às 18h30, na Arena Pantanal, em Cuiabá.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
10ª rodada
Data
02/07/2015
Horário
19h30
Local
Arena Corinthians - São Paulo (SP)
Árbitro
Thiago Duarte Peixoto (SP)

Renda
R$ 1.308.449,26
Assistentes
Alex Ang Ribeiro (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Público
26.649 pagantes
Cartões Amarelos
Corinthians-SP: Jadson
Ponte Preta-SP: Renato Cajá, Fernando Bob

Gols
Corinthians-SP: Jadson 40' 1T, Vagner Love 50' 2T
Corinthians-SP
Cássio;
Fagner, Felipe, Gil e Uendel;
Bruno Henrique (Danilo), Elias (Ralf), Jadson, Renato Augusto e Malcom (Mendoza);
Vagner Love.
Técnico: Tite
Ponte Preta-SP
Marcelo Lomba;
Rodinei, Renato Chaves, Pablo e Gilson;
Fernando Bob, Josimar (Paulinho) e Renato Cajá;
Felipe Azevedo (Cesinha), Biro Biro (Roni) e Diego Oliveira
Técnico: Guto Ferreira
 
 
" />