Atlético-MG 2 x 1 Internacional - Galo mais preparado do que nunca!

Já pensando no Mundial, o Galo vai apresentando boas atuações no Brasileirão

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 14 (AFI) – O Atlético-MG continua dando mostras de que chegará com tudo para a disputa do Mundial de Clubes. Na noite desta quinta-feira, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Galo, mesmo repleto de desfalques, venceu o Internacional por 2 a 1 na Arena Independência, em Belo Horizonte. As rádios Eldorado (Sete Lagoas) e Grenal (Porto Alegre), parceiras do Futebol Interior, transmitiram a partida.

Com o resultado, o Atlético-MG ultrapassou o Vitória e chegou a 6ª posição, com 52 pontos. Foi o terceiro jogo consecutivo do Galo sem perder. Antes, o time mineiro havia empatado com o Bahia e vencido Atlético-PR e Botafogo. Já classificado para a Libertadores do ano que vem por ser o atual campeão, o Galo tenta fazer a melhor campanha possível no Brasileirão.

O Internacional segue sem embalar no Brasileirão. Com a derrota, o Colorado caiu para a 11ª posição, com 45 pontos e praticamente deu adeus a participação na Libertadores do ano que vem.

O jogo
Sempre forte quando joga em casa, o Atlético-MG iniciou a partida já indo para cima do Internacional. Sem ser assustado em momento algum da primeira etapa, o jogo ficou fácil para o Galo, que passou boa parte do primeiro tempo no campo de ataque. A primeira chance clara de gol veio aos dez minutos. Depois de dois dribles, Diego Tardelli chutou para o gol e exigiu boa defesa do goleiro Muriel.

Sem conseguir o gol com a boal rolando, o Galo tentou surpreender Muriel na bola parada. Em um chute muito forte da entrada da área, Lucas Cândido quase abriu o placar em cobrança de falta. O goleiro Muriel fez boa defesa. Dois minutos depois, Alecsandro recebeu dentro da área, girou e chutou forte. Novamente Muriel espalmou e salvou o Colorado.

De tanto insistir o Atlético-MG conseguiu chegar ao seu gol aos 37 minutos. Luan tentou um lançamento quase do meio-campo e abola ia ficar nos pés do zagueiro Jackson. Quando a bola chegou, entretanto, oz agueiro furou e permitiu que Fernandinho ficasse com ela. O atacante invadiu a área e chutou forte, sem chances para o goleiro do Inter.

Reação seguida de banho de água fria
De volta para o segundo tempo, o Internacional deu mostras logo no início que iria em busca do gol de empate. Aos quatro minutos, D’Alessandro teve uma boa oportunidade em cobrança de falta e por muito pouco não surpreendeu o goleiro Giovanni. A bola foi no canto direito do gol e quicou, voltando no peito do goleiro do Galo.

O Atlético-MG não demorou a responder na mesma altura. Aos 14 minutos, Fernandinho lançou Leonardo Silva, que permaneceu na área após uma cobrança de escanteio. O zagueiro dominou no peito e, com habilidade, chutou forte. A bola pegou no travessão antes de sair por cima do gol de Muriel.

O empate do Internacional só saiu em uma cobrança de pênalti. Otávio entrou com velocidade dentro da área e foi derrubado por Marcos Rocha. Na cobrança, D’Alessandro chutou no canto esquerdo, no alto, sem chances para Giovanni defender. A alegria do Colorado durou apenas um minuto, pois Alecsandro colocou o Galo novamente na frente aos 21 minutos. Depois de bola ajeitada com a cabeça para trás por Fernandinho, o atacante chutou forte e colocou o Galo novamente na frente do placar.

Sem ser agredido ofensivamente pelo Internacional, o Atlético-MG recuou e esperou a hora certa para os contra-ataques. Sem chegar ao ataque, o jogo perdeu emoção e o Colorado voltou para casa com uma derrota.

Próximos jogos
O Atlético-MG volta a campo no próximo domingo para enfrentar a Portuguesa, às 19h30, em São Paulo. Já o Internacional vai visitar o Goiás, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, na mesma data e horário. As partidas serão válidas pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
34ª rodada
Data
14/11/2013
Horário
21h00
Local
Arena Independência, em - Belo Horizonte (MG)
Árbitro
Marcelo de Lima Henrique - RJ (FIFA)

Renda
R$ 297.660,00
Assistentes
Dibert Pedrosa Moises - RJ (ESP) e Wagner de Almeida Santos - RJ (CBF-1)

Público
12.451 pagantes
Atlético-MG
Giovanni;
Marcos Rocha (Carlos César), Leonardo Silva, Réver e Lucas Cândido;
Pierre, Josué, Guilherme (Luan)(Dátolo), Diego Tardelli e Fernandinho;
Alecsandro
Técnico: Cuca
Internacional-RS
Muriel;
Cláudio Winck (Alex), Alan, Jackson e Fabrício;
João Afonso (Valdivia), Willians, Jorge Henrique, D’Alessandro e Otávio;
Caio (Rafael Moura)
Técnico: Clemer