Grêmio 4 x 2 São Paulo - Tricolor Gaúcho volta a vencer em casa

Após duas partidas sem vitória no Olímpico, o Grêmio venceu jogando bem

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 29 (AFI) - Depois de duas partidas sem vencer em casa, o Grêmio enfim venceu. O Tricolor Gaúcho recebeu o São Paulo, no Estádio Olímpico, na noite desta quarta-feira, e bateu por 4 a 2, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Já o Tricolor Paulista perde a segunda seguida.

Com esse resultado, o Grêmio que começou a rodada na 10ª posição, subiu para nono, somando 36 pontos. Já o São Paulo que estava nona colocação, caiu para a 10ª, ficando com seus 34 pontos.

Grêmio melhor
Mesmo jogando fora de casa, o São Paulo começou bem no primeiro tempo e teve uma boa chance, aos nove minutos. Carleto arriscou um belo chute em cobrança de falta, a bola passou muito perto do travessão do goleiro Victor.

O São Paulo só teve essa primeira boa chance, porque depois dos 15 minutos, o Grêmio mandou no primeiro tempo, chegando bem. Jonas cruzou a bola para André Lima que subiu sozinho e cabeceou forte, a bola passou muito perto da trave, o goleiro Rogério Ceni só olhou.

O Grêmio era melhor e o gol estava amadurecendo, e quase saiu aos 27 minutos. Jonas recebeu bola na grande área, driblou a marcação, chutou de bico no canto, o zagueiro Alex Silva evitou em cima da linha.

Festa gaúcha
Melhor no primeiro tempo, o Grêmio abriu o placar, aos 29 minutos. André Lima aproveitou passe realizado da esquerda, após cobrança de escanteio, e na pequena área apenas empurrou para o fundo do gol.

Depois do gol, o Tricolor Gaúcho continuou melhor e levava mais perigo, e aos 40 minutos chegou ao segundo gol. Depois do cruzamento, André Lima subiu sozinho e desviou de cabeça, mandando a bola para o fundo do gol.

Ainda no primeiro tempo, apesar de estar perdendo de 2 a 0, o São Paulo conseguiu diminuir na partida, aos 42 minutos, depois que o juiz marcou pênalti de Paulão em cima de Marlos. O goleiro Rogério Ceni cobrou no canto esquerdo, sem chances para Victor.

Voltou empatando
Perdendo por 2 a 1, o São Paulo voltou melhor para o segundo tempo e consegui empatar a partida, aos sete minutos. Marlos fez grande jogada e chutou da entrada da área, a bola entrou no canto direito rasteiro do goleiro Victor, que nada pode para fazer a defesa.

Após o gol de empate, o São Paulo recuou na partida e com isso o Grêmio cresceu na partida, e quase marcou o terceiro. Douglas cobrou escanteio com muita curva, a bola estava entrando, mas o goleiro Rogério Ceni espalmou para escanteio novamente.

Matou a partida
O Grêmio partiu para cima, querendo fazer o terceiro e conseguiu, aos 23 minutos. Depois da cobrança de escanteio, Cléber Santana colocou a mão na bola e o juiz marcou pênalti. Na cobrança, Jonas cobrou forte no canto direito de Rogério Ceni, que acertou o canto, mas não alcançou.

O time gaúcho não só fez o terceiro gol, como fez o quarto e matou a partida, aos 29 minutos. Lúcio fez bola jogada na esquerda e chutou rasteiro, Rogério Ceni falhou e no rebote Diego empurrou para o fundo das redes.

A última chance da partida, aconteceu para o Grêmio, aos 38 minutos. Jonas ficou com a bola na entrada da área e chutou forte, mas o goleiro Rogério Ceni fez uma grande defesa, espalmando para escanteio.

Próximos jogos
Na 27ª rodada, o Grêmio vai até Salvador, encarar o Vitória no Estádio Barradão, no próximo sábado, às 16 horas. Já o São Paulo vai até Florianópolis, jogar contra o Avaí, no Estádio Ressacada, no mesmo dia, só que às 21 horas.

Ficha Técnica

Grêmio 4 x 2 São Paulo

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro-MG (Fifa)
Auxiliares: Helberth Costa Andrade-MG e Jair Albano Félix-MG
Público: 25.322 pagantes
Renda: R$ 317.277,50
Cartões amarelos: André Lima, Douglas, Paulão e Rafael Marques (Grêmio); Alex Silva, Casemiro, Cléber Santana e Xandão (São Paulo)
Cartão vermelho: Alex Silva (São Paulo)
Gols: André Lima, aos 29’/1T e aos 40’/1T, Jonas, aos 23’/2T, e Diego, aos 28’/2T (Grêmio); Rogério Ceni, aos 42’/1T, e Marlos, aos 7’/2T (São Paulo)

Grêmio
Victor; Paulão, Vilson, Rafael Marques; Edilson, Adilson (Willian Magrão), Lúcio, Douglas (Maylson) e Gilson; Jonas e André Lima (Diego).
Técnico: Renato Gaúcho

São Paulo
Rogério Ceni; Xandão (Bruno Uvini), Alex Silva e Miranda; Rodrigo Souto, Casemiro, Richarlyson, Marlos e Carleto (Cléber Santana); Lucas e Ricardo Oliveira.
Técnico: Sérgio Baresi

 
 
" />