Ceará 1 x 0 Vitória - Emoção só veio no final do jogo

por Agência Futebol Interior

Ceará, CE, 23 (AFI) – O Ceará venceu o Vitória, por 1 a 0, na tarde deste domingo, no estádio do Castelão, em Fortaleza, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro e conseguiu manter a invencibilidade na volta a elite do Brasileirão.

Leia mais:
Internacional 0 x 2 São Paulo - Saiu o finalista da Libertadores?

A vitória deixou o Vozão no G4 da competição. A equipe cearense tem sete pontos, na quarta posição, empatado com Palmeiras e Botafogo. Já o Vitória priorizou a Copa do Brasil e mandou a campo uma equipe formada por alguns reservas, mas mesmo assim não conquistou sua primeira vitória. Os baianos estão na 17ª posição, com um ponto.

Só dá Vozão!
Buscando manter sua invencibilidade no Brasileirão, o Ceará tomou a iniciativa da partida e partiu para cima do Vitória e logo aos sete minutos criou uma grande chance de abrir o placar. Ernandes fez boa jogada pelo lado esquerdo e tocou para Misael chutar exigindo excelente intervenção do goleiro Vinicius do Vitória.

Dois minutos depois foi a vez de Washington quase marcar para o Vozão. O atacante recebeu passe pelo lado esquerdo, girou sobre o zagueiro e chutou tirando tinta do poste direito do goleiro Vinicius.

Apostando nas jogadas pelas laterais, o Ceará encurralou o Vitória em se campo de ataque e teve maior posse de bola durante toda a primeira etapa. O primeiro tento quase
saiu aos 23 minutos depois de boa jogada individual de Diogo, que driblou das vezes o lateral Maurim, e chutou cruzado, exigindo, mais uma vez, boa defesa de Vinicius.

Para que isso?
Com menos posse de bola que o adversário, o Vitória não conseguia atacar e viu suas chances de marcar diminuírem quando seu principal jogador foi expulso após trocar agressões com o jogador rival.

O meia do Ceará, Heleno, e o atacante do Vitória, Junior, foram subir para dividir uma bola de cabeça e trocaram cotoveladas, sem exitar, o arbitro Sandro Meira, mandou para fora os jogadores. A partir deste lance, a partida esfriou e as duas equipes passaram a tocar a bola e esperar o fim do primeiro tempo.

De dar sono!
A segunda etapa foi uma continuação do final da primeira, sem criatividade, as equipes praticamente não levaram perigo aos goleiros, Muitos erros de passe e pouca movimentação contribuíam para esta característica da partida.

O primeiro lance de certo perigo ao gol no segundo tempo veio apenas aos 20 minutos. Michel resolveu arriscar de fora da área, o goleiro Vinicius deu rebote e a bola sobrou para Misael, mas o atacante acabou isolando.

Jogando no contra ataque, a resposta do Vitória saiu da cabeça de Uellington. Após cruzamento de Ricardo Conceição, o meia deu um leve desviou, mas a bola acabou indo para fora, passando muito perto do gol do Ceará.

Para acordar a galera
Quando tudo indicava que a partida terminaria com um empate, Misael resolveu acordar a massa cearense. O atacante fez boa jogada pelo lado direito e rolou rasteiro para o atacante Washington apenas completar para o fundo das redes, marcando o gol vitória do Vozãos, ao 47 minutos do segundo tempo.

Próximos jogos
Os times voltam a jogar na próxima quarta-feira. Às 19h30, o Vitória enfrenta o Atlético-MG, no estádio do Barradão, em Salvador. Já o Ceará vai até Goiânia enfrentar o Goiás, às 21 horas.


Ficha técnica

Ceará 1 x 0 Vitória

Local: Estádio Castelão, em Fortaleza-CE
Renda: R$ 288.442
Público 19.697 pagantes
Árbitro: Sandro Meira-DF
Cartões amarelos: Heleno, João Marcos (Ceará); Elkson (Vitória)
Cartões Vermelhos: Heleno (Ceará) e Junior (Vitória)
Gols: Washington, aos 47’/2T

Ceará
Diego; Diogo (Osiel), Fabrício, Anderson e Ernandes (Euzébio); Michel; João Marcos, Heleno e Geraldo (Erick Flores); Misael e Washington
Técnico: Paulo Cesar Gusmão

Vitória
Vinicius; Nino, Wallace, Reniê e Maurim; Vanderson, Ricardo Conceição (Neto Coruja), Uellington e Renato (Jackson); Junior e Elkson (Schwenck)
Técnico: Ricardo Silva