Flamengo 2 x 2 Botafogo - Mengão se salva no finalzinho!

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 19 (AFI) - O Botafogo vencia o clássico contra o Flamengo até os 43 minutos do segundo tempo, mas permitiu o empate e o jogo terminou 2 a 2, neste domingo, no Maracanã, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Alessandro e Renato marcaram para o Fogão, enquanto Adriano e Emerson deixaram tudo igual para o Fla.

Veja também:
Brasileirão: Galo reassume a ponta e Tricolores vencem clássicos

Com o tropeço no final, o Botafogo chegou aos 11 pontos e ocupa a 17ª colocação, ainda dentro da zona de rebaixamento. No entanto, convém lembrar que o clube tem um jogo a menos que os demais. O Flamengo, por sua vez, ocupa posição intermediária na tabela, e com 16 pontos é o décimo colocado.

Em melhor fase na competição, o Flamengo foi quem tomou a iniciativa e começou o jogo atacando o Botafogo, que não conseguia sair de trás e errava bastante. Aos sete minutos, Léo Moura cruzou da direita, Castillo saiu mal e Adriano, sozinho na segunda trave, não alcançou. Na sequência, o Imperador tentou de bicicleta após novo cruzamento, mas pegou mal e a bola foi para fora, sem perigo algum.

Bota marca, mas...
Com o passar do tempo o Botafogo foi se soltando e adiantou a marcação, fazendo com que o Fla errasse muito nas saídas de bola. Com isso, o clube alvinegro passou a chegar com frequencia ao ataque. Aos 18, Renato cruzou da direita para a área e Victor Simões cabeceou no meio do gol, para boa defesa de Bruno. Pouco depois, Victor Simões recebeu bom passe pela esquerda, bateu de primeira e a bola explodiu na trave.

Aos 28, o Botafogo até balançou as redes, mas o gol foi anulado. Victor Simões ganhou de Aírton e tocou de cabeça para André Lima bater para o gol, mas a arbitragem já havia assinalado falta. O jogo estava equilibrado e o Flamengo respondeu dois minutos mais tarde. Emerson invadiu a área pela esquerda e rolou para trás para Everton, que bateu mal e a bola parou na zaga.

Agora sim!
No final da etapa inicial, o Botafogo cresceu de produção e quase fez aos 32, quando Juninho solta uma bomba em cobrança de falta e Bruno espalmou para escanteio. Mas dois minutos mais tarde não teve jeito e o alvinegro trou o zero do placar. Em nova cobrança de falta de Juninho, Bruno deu rebote e Alessandro completou para o gol.

Mas o Bota não teve nem tempo de comemorar e o Mengão empatou com Adriano. Kléberson cobrou falta pela esquerda, o Imperador subiu sozinho, livre de marcação, e cabeceou no canto esquerdo de Castillo. No último lance da etapa inicial, Adriano quase virou para o Fla. O atacante dominou na área, deu um chapéu em Alessandro e bateu de perna direita, por cima do gol.

Lá e cá, mas com poucas chances
Na volta do intervalo, o jogo seguiu no mesmo panorama, com as duas equipes se revezando no ataque. Logo aos cinco minutos, o Imperador, destaque do jogo, quase virou para o Fla. Kléberson levantou da esquerda a área e Adriano cabeceou forte, mas a bola passou por cima do travessão.

O jogo caiu de produção na etapa final e as chances de gol rarearam. Aos 17, Juninho cobrou falta com violência e Bruno defendeu com dificuldade, no canto direito. O Mengão respondeu no minuto seguinte, numa bomba de Adriano que passou perto. Fierro ainda se esticou todo para tentar desviar, mas não conseguiu alcançar.

Bola parada é a solução!
O Botafogo apostava nas bolas paradas para conseguir o segundo gol. Aos 25 minutos, Lúcio Flávio bateu falta no canto esquerdo de Bruno, que mandou para escanteio. Na cobraça, Renato subiu mais alto que todo mundo e cabeceou para o fundo das redes, colocando o Botafogo novamente na frente.

Quando tudo levava a crer que o Botafogo enfim venceria o clássico, o Flamengo jogou uma ducha de água fria nos botafoguenses. Emerson recebe na entrada da área, ganhou do marcador na raça e bateu com categoria, no ângulo esquerdo do goleiro Castillo. O final do jogo foi eletrizante, com chances reais para os dois lados, mas o placar final ficou mesmo no 2 a 2.

Próximos jogos
Os dois times voltam a campo na próxima quarta-feira, pela 13ª rodada do Brasileirão. O Flamengo enfrenta o Barueri, às 19h30, no Maracanã, enquanto o Botafogo joga contra o Náutico, às 21h50, em Recife.

Ficha Técnica

Flamengo 2 x 2 Botafogo

Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro-RJ
Renda: R$ 499,403,00
Público pagantes: 29.508
Público total: 32.159
Árbitro: Pericles Bassols Cortez/RJ (Asp.Fifa)
Cartões amarelos: Kléberson, Everton, Welinton e Fabrício (Flamengo); Victor Simões, Thiaguinho, Eduardo e Castillo (Botafogo)
Cartão vermelho: Alessandro (Botafogo)
Gols: Alessandro, aos 34'/1T e Renato, aos 26'/2T (Botafogo); Adriano, aos 40'/1T e Emerson, aos 43'/2T (Flamengo)

Flamengo
Bruno; Welinton (Camacho), Fabrício e Ronaldo Angelim; Léo Moura, Aírton (Maxi), Kleberson, Zé Roberto (Fierro) e Everton; Emerson e Adriano.
Técnico: Cuca

Botafogo
Castilho, Emerson (Renato, depois Reinaldo), Juninho e Eduardo; Alessandro, Leandro Guerreiro, Thiaguinho (Wellington), Lucio Flavio e Batista; André Lima e Victor Simões
Técnico: Ney Franco