Série C: Com melhor defesa, Bragantino consolida reação e se firma no G4

Na quarta colocação, com 24 pontos, o Massa Bruta está a nove pontos do quinto colocado Luverdense,

por Agência Futebol Interior

Bragança Paulista, SP, 11 (AFI) - A vitória de virada sobre o Tombense no último sábado em Bragança Paulista foi a consolidação da volta por cima do Bragantino na Série C. Após um período de turbulência entre a sexta e a décima rodada, quando venceu apenas uma partida, o alvinegro somou doze pontos nos quinze últimos disputados e está bem próximo da classificação para a fase mata-mata do torneio nacional.

Na quarta colocação, com 24 pontos, o Massa Bruta está a nove pontos do quinto colocado Luverdense, e se vencer o Ypiranga neste sábado praticamente garante a vaga nas quartas de final. O zagueiro Lázaro elogiou o poder de reação do time contra a equipe mineira e destacou a importância do resultado favorável.

Lázaro é um dos pilares da defesa bragantina.
Lázaro é um dos pilares da defesa bragantina.
"Sabíamos que derrotá-los seria fundamental, pois colocaríamos nove pontos de vantagem sobre eles restando apenas cinco rodadas. Ao mesmo tempo, se eles nos vencessem, a diferença cairia para somente três pontos e nossa presença no G4 ficaria seriamente ameaçada. Jogamos o tempo todo em cima deles, buscando sempre o gol e creio que o placar final foi um retrato justo do que ocorreu em campo" afirmou.

Ponto forte do clube do interior paulista no último estadual, o sistema defensivo voltou a ser um diferencial relevante a favor do Bragantino. A equipe tem a defesa menos vazada dentre todas as participantes da competição nacional com apenas nove gols sofridos em treze jogos. Lázaro reconhece a importância do fato e faz questão de parabenizar todos os companheiros pelo ótimo número.

"No futebol atual, na maior parte dos campeonatos o time que conquista o título teve a melhor defesa. Como o equilíbrio é muito grande, você aumenta muito as chances de vencer as partidas caso não sofra gols. No nosso caso isso se deve ao esforço de todos os atletas que estão em campo. Uma marcação eficiente não começa na intermediária do time que defende e sim a partir do jogador mais adiantado. Continuando dessa maneira, somos candidatos a alcançar a nossa meta ao final do torneio" encerrou o atleta.

 
 
" />