Paulistão: "Ninguém tem cadeira cativa", alerta técnico do Botafogo

"Aqui ninguém está fora, mas tem cobrança. Não adianta só ir bem no treino, tem de chegar no jogo e resolver"

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 29 (AFI) - Lutando contra o rebaixamento, mas com chances de classificação no Campeonato Paulista, o técnico Argel Fuchs comentou como tem sido o rodízio no Botafogo. O treinador explicou que vem dando oportunidade para todos, mas avisou que 'ninguém tem cadeira cativa'.

"Damos oportunidade a todos, aqui não tem cadeira cativa para ninguém. Mas é a performance do atleta que mostra se joga ou não. Demos oportunidades ao Michel, jogou quase 45 minutos contra o Santos, ao Caio Magno, ao Renatinho, ao Luan", explicou.

"Damos oportunidade a todos, aqui não tem cadeira cativa para ninguém"
TEM QUE MOSTRAR TRABALHO

O treinador também deixou claro que não adianta ir bem só no treino e não ter bom desempenho nos jogos.

"Aqui ninguém está fora, mas tem cobrança. Não adianta só ir bem no treino, tem de chegar no jogo e resolver.

O Luketa, está aqui comigo há cinco jogos, era reserva, entrou, virou titular e continuou ajudando com gols", exemplificou.

SITUAÇÃO

Com sete pontos, o Botafogo está em 13º na classificação geral. Entretanto, está em terceiro lugar no Grupo A e tem chances de classificação, principalmente se a Inter de Limeira, vice-líder com nove, não vencer na rodada.