Paulista: Wagner Lopes vê evolução e espera melhores resultados para o Botafogo

Sem pontuar ainda, o Pantera tem cinco gols sofridos e apenas um gol marcado no campeonato

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 27 (AFI) - O técnico Wagner Lopes viu evolução na equipe do Botafogo-SP em relação a estreia no Campeonato Paulista, contra o Corinthians, mesmo com a derrota por 1 a 0 diante da Ponte Preta no ultimo domingo.

Wagner Lopes em coletiva de imprensa (Foto: Botafogo-SP/Divulgação)
Wagner Lopes em coletiva de imprensa (Foto: Botafogo-SP/Divulgação)

Sem pontuar ainda, o Pantera tem cinco gols sofridos e apenas um gol marcado no campeonato, o que faz o treinador refletir sobre o esquema tático, que segundo ele, criou mais no jogo contra a Macaca, porém pecou na marcação.

“É claro que a gente ficou chateado. Acho que nós fomos melhores em alguns aspectos e conseguimos criar mais no primeiro tempo contra a Ponte Preta. Nós tivemos circulação de bola, aproximação, cruzamento na área e bola bem cabeceada, enfim, criamos oportunidades, mas no segundo tempo sofremos o gol por um erro de marcação. Saímos para pressionar sem nenhuma necessidade e ficamos com o setor central desprotegido e foi ali que acertaram o chute”, explica o treinador.

Lopes também ficou incomodado com as decisões que equipe tomou durante a partida e espera que esses erros não se repitam na próxima rodada.

“Vejo que depois que tomamos o gol, nossa equipe deu uma bagunçada, mas a gente precisava ter tomado decisões melhores e pecamos em tomar essas decisões de forma errada. Na hora de cruzar, a gente driblava, na hora de driblar, a gente cruzava. Temos que fazer escolhas melhores daqui pra frente”, concluiu o comandante.

Wagner Lopes espera ver essas mudanças já na próxima quarta-feira (29), quando o Botafogo volta a campo contra o Ituano, às 19h15, no estádio Novelli Júnior.

Mercado da Bola
Botafogo-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Darley e João Vitor

  • Laterais

    Pará, Lucas Mendes, Leonan, Gilson, Guilherme Romão e Val

  • Zagueiros

    Leandro Amaro, Didi, Léo Gregório, Plínio e Reginaldo

  • Volantes

    Jonathan Machado e Ferreira

  • Meias

    Gabriel Calabres, Nadson, Murilo, Pablo e Willian Oliveira

  • Atacantes

    Bruno José, Diego Cardoso, Henan, Dodô, Gustavo Henrique, Gustavo Schutz, Rafinha, Francis e Ronald

  • Técnico

    Claudinei Oliveira