Série B: Com tom de cobrança, diretoria faz reunião com elenco do Botafogo-SP

O time de Ribeirão Preto não vence há dois jogos e tem deixado oportunidades de entrar no G-4 escaparem

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 02 (AFI) - Léo Franco, diretor de futebol da Botafogo, e Oswaldo Festucci, vice-presidente do clube, conversaram com o elenco botafoguense durante 40 minutos. Na conversa, os dirigentes pediram uma postura diferente ao time em relação ao último jogo.

“Tivemos uma conversa muito proveitosa com o nosso elenco, que entendeu a cobrança e também se posicionou. Fizemos a cobrança em relação alguns jogos, principalmente em relação ao último. Eles estão incomodados com este momento porque sabem do potencial de cada um”, disse Léo Franco, que teve a opinião compartilhada por Oswaldo Festucci.

“Os últimos jogos não condizem com o histórico do nosso clube. Precisávamos dessa conversa. Os jogadores entenderam e concordaram com a nossa cobrança”, afirmou o vice-presidente.

Léo Franco e Festucci afirmaram também durante a entrevista coletiva que confiam no potencial do elenco botafoguense e que a meta é buscar o acesso para a Série A.

Botafogo tem conversa entre diretoria e elenco
Botafogo tem conversa entre diretoria e elenco
PRECISA EVOLUIR

Atualmente, o time ocupa a sexta colocação com 36 pontos, contra 38 do CRB, quarto colocado.

“Temos o entendimento que precisamos evoluir, melhorar o nosso jogo e diminuir essa oscilação para brigar pelo acesso. Temos uma equipe madura para brigar pelo acesso. Queremos somar 45 pontos o mais rápido possível e se concentrar definitivamente na briga pelo acesso”, disse Léo Franco.

“Temos dois jogos consecutivos em casa e podemos retornar ao G-4. Temos uma equipe com potencial para conquistar o objetivo”, afirmou Festucci.