Léo Franco não fará parte da diretoria do Botafogo após o Paulistão

O dirigente foi imposto para trabalhar no Pantera por investidores do clube

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 08 (AFI) - O gerente de futebol do Botafogo, Léo Franco, irmão do técnico Ney Franco, será desligado do cargo após o término do Campeonato Paulista 2019. O Pantera ocupa a 15° colocação, com quatropontos, e estaria rebaixado caso o campeonato terminasse hoje. O São Caetano, primeiro time fora da zona do rebaixamento, tem 7 pontos ganhos. A informação foi do repórter Wilson Rocha, da WSports.

A demissão de Léo Franco deveria ter acontecido no dia 16 de fevereiro, junto com o antigo treinador do Pantera, Léo Condé. Na ocasião, a demissão de Franco não aconteceu porque membros da diretoria acreditavam que o Botafogo ficaria sem comando técnico, e sem um responsável pelo futebol, o que poderia causar uma bagunça muito maior.

Léo Franco sairá do Botafogo após o Paulistão - Agência Botafogo
Léo Franco sairá do Botafogo após o Paulistão

A relação de Léo Franco não é nada boa com funcionários, imprensa, jogadores e até mesmo com torcedores. Na última terça-feira (6), um grupo de 100 torcedores do Pantera foram ao Estádio Santa Cruz para terem uma conversa séria com diretores do time. Nessa reunião, os torcedores exigiram a saída imediata de Franco, mas Adalberto Bapstista, presidente do Conselho da S/A, negou o pedido dos botafoguenses.

CONFUSÃO
Após se reunirem com os diretores, o grupo pediu para conversar com os jogadores do Bota. Este pedido teria irritado Franco, que não permitiu que a conversa acontecesse. Mas o treinador Roberto Cavalo entrou na conversa e autorizou a presença dos torcedores.

Como a decisão de demitir Léo Franco já estava tomada, os diretores consideraram melhor esperar o fim do Paulistão. Desta forma, com o término do campeonato, chega ao fim o trabalho de Franco no Pantera.

A próxima decisão do Pantera para escapar da zona do rebaixamento acontece nesta sexta-feira. O Tricolor recebe o Bragantino, no Estádio Santa Cruz, às 18h45.