Paulistão: Botafogo demite Alexandre Ferreira após derrota em Piracicaba

A diretoria botafoguense deve anunciar ainda nesta semana o substituto do treinador para a sequência do Paulistão

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 02 (AFI) – Com apenas duas vitórias em sete jogos disputados no Campeonato Paulista, o Botafogo confirmou, nesta segunda-feira, a demissão do técnico Alexandre Ferreira (foto abaixo). A gota d’água foi a derrota de domingo, para o XV, por 2 a 1, em Piracicaba.

Em comunicado, o clube disse que Alexandre Ferreira esteve reunido com o presidente Rogério Barizza, no início da tarde desta segunda, quando foi definida sua saída. Permanecem na comissão técnica apenas o preparador de goleiros Kiko Oliveira, o preparador físico Luiz Fernando Paião e o analista de desempenho Gustavo Jabor.

Alexandre assumiu o clube de surpresa. Foi convidado a treinar o time depois que Doriva trocou o time de Ribeirão Preto pelo Vasco. Naquela ocasião ele também tinha grande prestígio com a diretoria, já que levou o time ao vice-campeonato da Copa Paulista do ano passado. Uma escolha que, na época, dividiu conselheiros nos bastidores.

A ideia do Botafogo é de anunciar o seu substituto ainda nesta semana. Gilson Kleina encabeça a lista dos treinadores que mais agradam a diretoria. Mas tem um salário muito alto e pode ficar distante caso não diminua a pedida.

Com a derrota para o XV, no domingo, o Botafogo caiu para a terceira posição do Grupo C, com nove pontos ganhos – mesma pontuação que a Portuguesa, vice-líder da chave.

 
 
" />