Organizada vandaliza Muro dos Ídolos do Botafogo e tira atual gerente de futebol

Túlio assumiu a diretoria de futebol, em outubro, após a demissão de Paulo Autuori

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 07 (AFI) - Tudo o que Túlio Lustosa conquistou em campo com a camisa do Botafogo foi esquecido e apagado por parte da torcida. Alguns integrantes das organizadas do Fogão picharam a imagem do gerente de futebol no Muro dos Ídolos.

Além de cobrir a imagem de Túlio "Guerreiro", a organizada ainda escreveu "Lixo" ao lado. O motivo do vandalismo é a fraca campanha do Botafogo, derrotado pelo Athletico-PR, por 2 a 0, no Niltão, e na penúltima colocação do Campeonato Brasileiro.

Vandalismo no Muro dos Ídolos! (Foto: Reprodução / Twitter/Repórter de Pista)
Vandalismo no Muro dos Ídolos! (Foto: Reprodução / Twitter/Repórter de Pista)
BORRÃO!

A imagem de Túlio no Muro dos Ídolos estava ao lado de Sandro e Donizete. Túlio segurava a bandeira da estrela Solitária. Depois do vandalismo ficou um borrão preto.

Túlio assumiu a diretoria de futebol, em outubro, após a demissão de Paulo Autuori. Como jogador, defendeu o Fogão entre 2003 e 2005 e de 2007 a 2008, tendo conquistado duas Taças Rio.

Muro dos Ídolos era assim... (Foto: Reprodução)
Muro dos Ídolos era assim... (Foto: Reprodução)
EM CASA...

A derrota para o Athletico-PR em casa ratificou a pior campanha de mandante do Brasileirão 2020. São apenas 11 pontos em 15 jogos com duas vitórias, cinco empates e oito derrotas. Aproveitamento de 24%. Sem falar em cinco derrotas seguidas e sete jogos sem vitória em seus domínios. O Botafogo não vence em casa desde 7 de outubro, quando fez 2 a 1 no Palmeiras pela 14ª rodada.

Diante de tais números, o clube carioca se manteve na vice-lanterna com apenas 23 pontos, a cinco do primeiro rival fora da zona de rebaixamento. Na 29ª rodada, o Botafogo enfrentará o Vasco no próximo domingo, às 20h30, em São Januário.