Em busca de CEO, Botafogo-RJ contrata consultoria para fazer processo seletivo

O clube carioca contratou uma empresa chamada Exec, com 11 anos de atuação e uma das maiores do Brasil na área de recursos humanos

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 07 - O Botafogo tomou uma decisão incomum no futebol para definir quem vai ocupar o cargo de diretor executivo (CEO) do clube. O novo presidente, Durcesio Mello, contratou uma empresa especializada na seleção de executivos de alta gestão para definir quem vai assumir o comando. O time carioca vive uma grave crise financeira e tem estudado variadas formas de se reestruturar.

O clube carioca contratou uma empresa chamada Exec, com 11 anos de atuação e uma das maiores do Brasil na área de recursos humanos e seleção de executivos.

O sócio da Exec, Lúcio Daniel, iniciou o processo seletivo para definir o novo CEO do Botafogo na última segunda-feira e vai terminar a análise dos candidatos até o fim deste mês.

A etapa final será apresentar uma lista tríplice ao presidente do clube para a escolha final de quem vai cuidar da gestão.

LIDERAR TUDO

O Botafogo pretende encontrar um profissional capaz de liderar principalmente três setores: administrativo, futebol e comercial.

Apesar da grave crise financeira, o time carioca pretende fazer uma gestão mais profissional e marcada por princípios empresariais, como governança corporativa e responsabilidade financeira no pagamento dos compromissos.

A escolha de uma consultoria para definir o CEO é algo inédito no futebol brasileiro. Em geral os clubes definem o nomeado para este cargo a partir de indicações. O novo contratado para a função estará na hierarquia abaixo apenas do novo presidente, Durcesio Mello, e do seu vice, Vinicius Assumpção.


BOTAFOGO: Barroca sobre mau momento do clube no Brasileiro: "Precisa doer na pele pra gente poder dar a volta por cima":