Após comentário machista, Jairzinho pede desculpa a bandeirinha

Ele ficou insatisfeito com a bandeirinha e a mandou "lavar roupa", em comentário machista

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 24 (AFI) - Jairzinho, ex-jogador e, hoje, comentarista da Botafogo TV, pediu desculpas a assistente Neuza Inês Back. Durante a classificação do Botafogo na Copa do Brasil, ele ficou insatisfeito com a bandeirinha e a mandou "lavar roupa", em comentário machista.

"Venho a público me desculpar com a árbitra Neuza Ines Back pelo comentário que fiz ontem na transmissão do jogo entre Vasco x Botafogo, na Botafogo TV. Foi um erro e que não irá se repetir", escreveu ele em sua rede social com uma grande foto e a palavra "desculpa".

"Falei tomado pelo calor do momento, o que não justifica tal ato. Arrependido, me retrato e reforço o respeito pelas mulheres", completou o ídolo do Botafogo de 75 anos.

Após erro, desculpas. (Foto: Reprodução)
Após erro, desculpas. (Foto: Reprodução)
CONFUSÃO!

Irritado com uma marcação da assistente Neuza Inês Back, o "Furacão da Copa de 70", como ficou conhecido o ex-jogador, disse que a bandeirinha deveria ir lavar roupa.

"Está dando mesmo (dor de cabeça), está dando mesmo, está dando mesmo. Vai lavar roupa, pô. Pelo amor de Deus. Essa Federação Carioca de Futebol, pelo amor de Deus. Pô, bota para lavar roupa, pô", disse o ex-jogador.

O clássico acabou empatado em 0 a 0. Como o Botafogo havia vencido o primeiro confronto por 1 a 0, conquistou a classificação para as oitavas de final. O sorteio dos confrontos da fase será realizado no próximo dia 1.º.