Rhuan realiza sonho e Valentim fala em mais um passo para a permanência no Brasileirão

Resultado colocou os cariocas no 13º lugar com 42 pontos, seis a mais do que a zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 27 (AFI) - O meia-atacante Rhuan ainda é um menino de 19 anos, mas já realizou um dos seus sonhos nesta curta caminhada pela vida. Ele marcou seu primeiro gol no profissional e ainda garantiu a vitória do Botafogo, por 1 a 0, sobre a Chapecoense em plena Arena Condá, em Chapecó, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Sonhei em vários jogos (com o gol). A expectativa é muito grande. Mas, primeiramente, agradecer ao meu Deus, que está sempre comigo, e também a todo o grupo que vem lutando muito pra sair dessa situação complicada", disse ele após o jogo desta quarta-feira.

FELIZ DA VIDA

O gol de Rhuan Silveira Castro, natural de São Gonçalo (RJ), garantiu a primeira vitória fora de casa do Botafogo sob o comando de Alberto Valentim e a primeira no segundo turno.

"Vitória extremamente importante, porque precisávamos muito dessa partida. A equipe não tinha vencido fora comigo, e a gente dá mais um passo para a permanência. Nós fomos muito eficientes fazendo o gol e segurando defensivamente", disse o comandante em entrevista coletiva.

Rhuan é o nome dele. (Foto: Vitor Silva / BFR)
Rhuan é o nome dele. (Foto: Vitor Silva / BFR)
MAIS DISTANTE!

O resultado, que rebaixou a Chapecoense pela primeira vez na história, colocou os cariocas no 13º lugar com 42 pontos, seis a mais do que a zona de rebaixamento.

A três pontos de chegar ao número mágico para se manter na elite, o Botafogo realizará mais três jogos. O próximo será no sábado, às 19 horas, ante o Internacional no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

"Agora é comemorar essa vitória sabendo que tem mais um jogo difícil no fim de semana", completou Rhuan.