Zé Ricardo confirma Gatito Fernández no gol do Botafogo contra 'favorito' Flamengo

A última partida de Jefferson como goleiro alvinegro foi justamente diante do clube rubro-negro, no primeiro turno do Brasileirão

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 09 - Depois de ter a volta de Gatito Fernández contra o Corinthians, o Botafogo terá Jefferson disponível no clássico diante do Flamengo, neste sábado, no Engenhão, pela 33.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O experiente goleiro se recuperou de lesão e ficará na reserva do paraguaio.

"O Jefferson está relacionado para o jogo, e quem vai começar será o Gatito", confirmou o técnico Zé Ricardo nesta sexta-feira. A última partida de Jefferson foi justamente diante do Flamengo, no primeiro turno.

Na ocasião, o goleiro sofreu um trauma no tórax, uma fratura da cartilagem tireoide, um edema nas cordas vocais e ainda perdeu dois dentes após uma dura dividida com Lucas Paquetá. O forte impacto fez com que ele precisasse usar colete cervical por um período.

O retorno do veterano de 35 anos é importante para dar ânimo a um time que já vem embalado pela vitória do fim de semana sobre o Corinthians. Um novo triunfo no clássico seria fundamental para fazer o Botafogo respirar de vez na tabela, mas Zé Ricardo sabe que o favoritismo está do outro lado.

Zé Ricardo confirma Gatito Fernández no gol do Botafogo contra 'favorito' Flamengo
Zé Ricardo confirma Gatito Fernández no gol do Botafogo contra 'favorito' Flamengo
"Falar de favoritismo em clássico é sempre complicado. Pelo momento, poderia dizer que o Flamengo é favorito, mas acredito que temos totais condições com o Botafogo se doando ao máximo em campo, comprometido com a partida e com o apoio da nossa torcida", afirmou.

O treinador ressaltou a importância do apoio em massa das arquibancadas para empurrar a equipe.

"É fundamental para a gente somar pontos amanhã. Uma partida difícil, o Flamengo joga pra cima e tenta vencer dentro ou fora de casa. Uma equipe com muitos recursos e que vive um bom momento. Temos essa dura missão, mas quando começa o jogo são onze contra onze. Mais uma vez eu acho que a torcida precisa nos apoiar bastante como no último jogo para fazermos um jogo com essa vibração".

 
 
" />