Jogadores do Botafogo trocam empurrões e quase saem no tapa

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 17 (AFI) - O clima no Botafogo anda carregado. No treino realizado nesta terça-feira, o lateral-direito Alessandro e o meio-campista Rodrigo Dantas só não trocaram agressões porque foram contidos pelos companheiros. O lateral não gostou de uma entrada de Dantas e deu início à uma discussão. A turma do "deixa disso" interveio e separou os brigões.

Veja também:
Zagueiro do Fluminense interessa a time do Brasileirão

Assim que a confusão começou, o técnico Estevam Soares encerrou o treinamento para evitar novos conflitos. O supervisor Márcio Touson conduziu Rodrigo Dantas para a parte interna do Centro de Treinamento João Saldanha, enquanto Alessandro já havia saído do gramado, sem esconder a indignação pela falta cometida por seu companheiro.

Em 16º lugar, com 41 pontos, o Botafogo voltou a ficar seriamente ameaçado pelo rebaixamento. O clube carioca enfrenta o São Paulo, no próximo domingo, no Engenhão, e pode entrar na zona de rebaixamento se não vencer e o Fluminense derrotar o Sport, em Recife.