Ídolo do Guarani, Fernando Gaúcho deixa o Botafogo-PB e foca em gestão esportiva

Carreira do ex-atacante será destinada, a partir de agora, aos trabalhos fora das quatro linhas

por Agência Futebol Interior

João Pessoa, PB, 07 (AFI) - Fernando Gaúcho não é mais Diretor de Futebol do Botafogo-PB. O profissional de 39 anos oficializou a saída do Belo nesta quinta-feira, em comunicado emitido à imprensa.

Fora dos bastidores, o ex-atacante pensa em transferir o talento com a bola no pé para o campo científico, haja vista ter como objetivo iniciar estudos no âmbito do futebol para aperfeiçoar conceitos teóricos e, no futuro, aliá-los à prática, já bem conhecida desde os tempos de infância.

"Desde a minha chegada, ainda para coordenar a base, procurei desempenhar com responsabilidade e competência as funções confiadas. Embora meu trabalho seja muito peculiar e de bastidores, a avaliação deve ser feita através dos acontecimentos durante todo o ano de 2019", comentou.

Fora do Botafogo-PB, Fernando Gaúcho foca carreira em gestão esportiva
Fora do Botafogo-PB, Fernando Gaúcho foca carreira em gestão esportiva

"Acredito que, em algum momento, fui útil na conquista do tricampeonato estadual, do vice inédito da Copa do Nordeste, dos avanços na Copa do Brasil e até mesmo na campanha oscilante da Série C", emendou.

O objetivo de Fernando Gaúcho é intensificar a agenda de estudos na carreira de executivo de futebol, participando de cursos e outros treinamentos nos quatros cantos do país para retornar, mais intensa e efetivamente, ao mercado.

"No futuro desafio, seguirei a minha trajetória com a mesma lisura e honestidade com que me dediquei ao Botafogo. Agradeço a todos por confiar no meu trabalho", escreveu.

Enquanto atleta profissional, Fernando passou por diversos clubes, entre os quais pode-se citar: Grêmio, Ituano, Paraná, Noroeste, Guarani, Criciúma, Comercial-SP, Paços de Ferreira (POR), entre outros.