Série B: Em comum acordo, Boa Esporte acerta saída do técnico Ney da Matta

O treinador não conseguiu tirar o time da lanterna da competição e acabou deixando o clube após a derrota para o Avaí

por Agência Futebol Interior

Varginha, MG, 08 (AFI) – O Boa Esporte confirmou na noite desta segunda-feira a saída do técnico Ney da Matta. A decisão foi tomada em comum acordo, após a sequência de maus resultados e a dificuldade de deixar a zona de rebaixamento. O estopim veio na derrota por 2 a 0 para cima do Avaí, na última sexta-feira, na Ressacada.

Ney da Matta, campeão da Série C com o próprio Boa Esporte em 2016, chegou em junho para assumir a vaga deixada por Daniel Paulista. Na ocasião, o time havia conquistado apenas seis pontos, em 12 jogos disputados.

A sua estreia foi no empate por 1 a 1 contra o Guarani, no Brinco de Ouro da Princesa. Foram 18 partidas, com cinco vitórias, cinco empates e oito derrotas, com 37% de aproveitamento.

“Deus abençoe o próximo profissional que chegar ao Boa Esporte. Espero que consiga ajeitar as coisas e faça com que o clube busque as vitórias para sair dessa situação. Sigo torcendo pela equipe, a qual tenho muito carinho”, afirmou o treinador, em entrevista exclusiva ao Portal Futebol Interior.

Ney da Matta não é mais técnico do Boa Esporte - Lucas Figueiredo/CBF
Ney da Matta não é mais técnico do Boa Esporte

MAIS DO NEY
Ney da Matta deixa o Boa Esporte na lanterna da Série B, onde assumiu, com 26 pontos, a oito de deixar a zona de rebaixamento. A expectativa da diretoria é anunciar um novo nome até o confronto do próximo sábado, às 16h30, diante do Vila Nova, no Estádio Serra Dourada, pela 31ª rodada da Série B.

“Recebemos algumas sondagens, mas os campeonatos estão acabando. Agora é descansar um pouco para iniciar o trabalho a partir de novembro e dezembro. Pode ter certeza que Deus vai abrir uma porta muito boa para nós”, completou.

Ney da Matta tem 51 anos e passagens por times como Tupi, Ipatinga, Uberlância, CRB, Sampaio Corrêa, Brasil de Pelotas, Linense, CRAC, Brasiliense, Vila Nova, Araxá, Anápolis, Guarani, Campinense, CSA, Remo, o próprio Boa Esporte, entre outros.

 
 
" />