Presidente de clube que quer contratar Jorge Jesus pode ser preso em Portugal

O dirigente foi alvo de escutas telefônicas nas quais estaria tentando desbloquear um processo fiscal de forma ilegal

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) – O presidente do Benfica, Luís Felipe Vieira, vem buscando um novo treinador e tem Jorge Jesus, do Flamengo, como favorito. No entanto, essa não é a maior das preocupações do dirigente. Vieira foi alvo de escutas telefônicas que gerar graves repercussões e até mesmo levar o dirigente a ser preso.

A revista portuguesa ‘Visão’ divulgou escutas telefônicas nas quais Luís Felipe Vieira teria tentado desbloquear um processo fiscal da empresa de seu filho há cerca de três anos.

O caso segue em investigação na Justiça portuguesa e pode ter ainda muitos desdobramentos nos próximos dias.

Em meio a essas acusações, o presidente do Benfica ainda tenta tirar o técnico Jorge Jesus do Flamengo. Também segundo a imprensa portuguesa, ele teria oferecido o dobro do atual salário do treinador rubro-negro.

Jesus ainda não comentou a investida benfiquista e segue afirmando que está focado na disputa do Campeonato Carioca. Após a derrota nos pênaltis para o rival Fluminense, na final da Taça Rio, o Flamengo tem mais dois jogos contra o mesmo adversário para que sejam definido o campeão estadual.

Após o Campeonato Carioca, Jesus deve divulgar se permanece no Brasil para a sequência da temporada, com Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores, ou se retorna para a Europa. Além do Benfica, outras equipes europeias também demonstraram interesse no treinador.