Avaí surpreende e demite técnico após eliminação no Catarinense

Rodrigo Santana comando a equipe em apenas cinco partidas, todas no estadual: com duas vitórias, dois empates e uma derrota

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 01 (AFI) – O técnico Rodrigo Santana não resistiu à eliminação para a rival Chapecoense pelas quartas de final do Campeonato Catarinense, na última quinta-feira. Neste sábado, o Avaí anunciou a demissão do treinador.

“Rodrigo Santana não é mais o técnico do Avaí. O clube agradece seus trabalhos e deseja boa sorte em sua caminhada profissional”, publicou o Avaí em breve nota nas redes sociais.

O treinador chegou ao Avaí já em 2020, após passagem pelo Atlético-MG em 2019. Pelo clube catarinense foram apenas cinco jogos disputados, com duas vitórias, dois empates e uma derrota.

Logo na sua chegada, o treinador venceu os dois primeiros jogos, contra Tubarão, por 2 a 0, e Juventus-SC, por 2 a 1. Na sequência, fechou a primeira fase do estadual com empate por 1 a 1 com o Concórdia.

Classificado para as quartas de final como líder da primeira fase, o Avaí enfrentou a Chapecoense, que avançou na oitava posição, mas não fez valer a melhor campanha. O time de Chapecó venceu a partida de ida por 2 a 0 e segurou empate por 1 a 1 na última quinta-feira para eliminar o rival.

Agora, o Avaí busca um novo treinador para a sequência da temporada, tendo a Série B do Campeonato Brasileiro como prioridade, buscando um retorno à elite do futebol nacional.