Sai, coronavírus! Clube da Série B realiza sanitização em estádio

Foram higienizados todos os locais - interno e externo - do palco catarinense

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 31 (AFI) - O Avaí aproveitou a paralisação no futebol para realizar a sanitização no estádio da Ressacada, em Florianópolis, para higienizar e eliminar agentes causadores de infecções, alergias e patógenos, entre eles, o novo coronavírus.

De acordo com o clube catarinense "foram higienizados os bancos de reservas, todos os vestiários, academia, departamento médico, sala das comissões técnicas, da diretoria de futebol, alojamentos, auditório, secretária, loja Avaí Store e as áreas administrativas".

"A sanitização nada mais é do que a esterilização do ambiente. E ela tem uma alto poder de desinfecção contra fungos, bactérias e vírus. (...) Com a suspensão das atividades, conseguimos realizar a sanitização, para deixar o clube sadio e pronto para quando do retorno das atividades", explicou Fabio Souza, da Truly Nolen, empresa responsável pelo trabalho.

Tudo limpo. (Foto: Avaí / Divulgação)
Tudo limpo. (Foto: Avaí / Divulgação)

Enquanto o Avaí cuida da Ressacada, os jogadores cuidam da forma física. O elenco do Avaí está de férias - serão 20 dias entre 1º e 20 de abril - após a paralisação do Campeonato Catarinense.

O Avaí fechou a primeira fase do Estadual na liderança e, agora, pegará a Chapecoense nas quartas de final. As datas e horários ainda serão confirmados pela Federação Catarinense de Futebol (FCF).