Petraglia deixa presidência do Athletico-PR e assume nova função

Mario Celso Petraglia postou em seu facebook que vai ser o CEO do clube

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 28 (AFI) - Momentos antes da bola rolar na Arena da Baixada para Athletico-PR e Flamengo, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, Mario Celso Petraglia postou uma mensagem nas suas redes sociais que pegou muita gente de surpresa.

O polêmico dirigente anunciou que foi criado o cargo de CEO no clube. A função será remunerada e o quem exercer vai ficar responsável diretamente por todas as áreas operacionais do clube no dia a dia. Até aí tudo bem.

Mario Celso Petraglia assumiu nova função no Athletico-PR (Foto: Site Oficial Athletico-PR)
Mario Celso Petraglia assumiu nova função no Athletico-PR (Foto: Site Oficial Athletico-PR)
O que surpreendeu a todos é que Mario Celso Petraglia é quem vai assumir a nova função criada. Para isso, ele anunciou que estava deixando o cargo de presidente do Conselho Deliberativo.

Ainda na mensagem, Mario Celso Petraglia assumiu a responsabilidade pelos erros cometidos na área do futebol, tanto na montagem do elenco quanto na questão da comissão técnica.

Apesar de ter sido campeão do Campeonato Paranaense e estar nas oitavas de final da Libertadores e da Copa do Brasil, o Furacão não realiza boa campanha no Brasileirão, tanto que figura na zona de rebaixamento.

CONFIRA ABAIXO A MENSAGEM DE MARIO CELSO PETRAGLIA

O CAP e nós estamos inovando mais uma vez na forma de gestão dos clubes brasileiros! A inovação que implementamos visa o próximo passo para o salto definitivo do Furacão, sua transformação em sociedade empresária, antes de qualquer passo haverá a aprovação ou não pela Assembleia Geral de Sócios!

Criamos a função de CEO, responsável diretamente por todas as áreas operacionais do clube no seu dia a dia! Função remunerada! Esse passo será para criar a cultura e prepararmos a casa para entregarmos o comando o mais breve possível!

Me licenciei da função de Presidente do Conselho Administrativo e assumi a função criada! Temos que preparar sucessão e a continuidade do projeto! Este ano pela minha doença tentei me afastar e não foi possível, o clube ainda não está preparado para esse grande passo!

Ficamos para reestruturar a gestão e pela missão que ainda nos toca, solucionar o acordo tripartite! O que aconteceu de errado na área do futebol este ano é de minha total responsabilidade, ainda maior pela função que atualmente exerço!