Athletico explica vendas e reformulação no elenco: "Não quiseram ficar"

O Furacão está pressionado com a sequência de maus resultados no Brasileirão

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 08 (AFI) - Mário Celso Petraglia usou as redes sociais para dar uma explicação aos torcedores do Athletico Paranaense sobre a reformulação no elenco que o time vem enfrentando na atual temporada após perder jogadores importantes no título da Copa do Brasil. A perda desses atletas refletiu no Campeonato Brasileiro, competição que a equipe está, neste momento, lutando contra o rebaixamento.

"Estamos há décadas no futebol e ainda não aprendemos a fazer milagres, estamos reformulando nosso time em 2020 em razão da saída de 16 atletas do nosso grupo principal! Os vendidos não quiseram mais ficar, criaram casos e pressionaram a nível insustentável", falou o presidente.

Athletico não vem bem no Brasileirão
Athletico não vem bem no Brasileirão
O Athletico perdeu peças importantes, dentre elas, Bruno Guimarães, para o Lyon, e Rony, para o Palmeiras. Isso em contar Renan Lodi, lateral do Atlético de Madrid, e muitos outros.

"Os emprestados, os clubes não quiseram renovar o empréstimo, venderam ou trocaram! Desde Março vivemos a pandemia que não deixou treinar e os campeonatos foram interrompidos por vários meses! Não tivemos tempo de concluir a formação com o sub23", relatou, antes de completar.

"Essas são explicações da Direção que precisam ser entendidas, sabemos que os verdadeiros atleticanos estão conosco, são pacientes, resilientes e têm a confiança por todas as conquistas realizadas, dentro e fora de campo", concluiu.

BRASILEIRÃO
O Athletico ocupa hoje apenas 16ª colocação do Brasileirão, com os mesmos sete pontos do Coritiba, primeiro dentro da zona de rebaixamento.