Junior Barranquilla x Atlético-PR - Furacão começa caminhada por título histórico

Esta será a segunda final continental do time, que esteve também na decisão da Libertadores de 2005, quando perdeu para o São Paulo

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 04 (AFI) - O Atlético Paranaense começa nesta quarta-feira a disputa pela conquista de um título inédito em sua história. Na missão de firmar o nome no cenário internacional, o time vai a campo às 22h45, no estádio Roberto Meléndez, na Colômbia, para enfrentar o Junior Barranquilla pela partida de ida da final da Sul-Americana. A volta será disputada no próximo dia 12, na Arena da Baixada.

Esta será a segunda final continental do Furacão, que esteve também na decisão da Libertadores de 2005, quando perdeu para o São Paulo. Na atual Sul-Americana, passou por dois adversários brasileiros, eliminando o Bahia nas quartas de final e o Fluminense nas semifinais.

Além do prestígio internacional, o Atlético quer o título também para conseguiu uma vaga na Libertadores, competição que disputou pela última vez em 2017. Na disputa do Brasileirão, a classificação não veio. O time rubro-negro terminou em sétimo lugar com 57 pontos, apenas dois a menos que o Atlético-MG, time que abre o G6. Caso tivesse terminando em sexto, disputaria a pré-Libertadores, diferente do que acontece caso seja campeão da Sul-Americana, conquista que garante vaga direta na fase de grupos.

PORTÕES FECHADOS
O Atlético-PR encerrou nesta terça-feira, já na Colômbia, a preparação para o duelo. Depois de uma breve visita ao Estádio Roberto Meléndez, local da partida, o elenco se dirigiu ao Estádio Rogério Martinez, onde foi realizado um treinamento com os portões fechados.

Foto: Miguel Locatelli / Atlético-PR
Foto: Miguel Locatelli / Atlético-PR
Com isso, o técnico Tiago Nunes não confirmou o time titular. Existe uma disputa entre Lucho González, Bruno Guimarães e Wellington por uma vaga no meio, mas a tendência é que os dois primeiros comecem jogando. Fora isso, o treinador não deve fazer grandes alterações.

“É hora de aproveitar esta situação ao máximo e, por que não?, sonhar com o título. Me emocionei realmente porque nossa torcida é incrível. O fato não ganhar um título de expressão há muito tempo e participar de sua segunda final mostra a fome e a sede que nossa torcida tem de tentar vencer o título. Vamos tentar nos esforçar o máximo”, afirmou Tiago Nunes.

DIVIDIDO
Diferente do Atlético, que está 100% focado na final da Sul-Americana, o Junior Barranquilla divide as atenções com a decisão do Campeonato Colombiano. O primeiro jogo da final nacional, contra o Independiente Medellin, será neste sábado.

Mesmo diante do compromisso importante no final de semana, o técnico Júlio Comesaña não deve poupar jogadores contra o time atleticano. Ainda assim, terá que fazer mudanças. O atacante Téo Gutiérrez, principal jogador da equipe, foi expulso no jogo de volta da semifinal contra o Santa Fé, assim como Fuentes. As vagas devem ficar com Yoni González e German Gutiérrez.

Ficha Técnica

Fase
Final
Rodada
1ª rodada
Data
05/12/2018
Horário
22h45
Local
Metropolitano Roberto Meléndez - Barranquilla (COL) ()
Árbitro
Diego Haro (Peru)

Renda
Não disponível
Assistentes
Jonny Bossio (Peru) e Victor Raez (Peru)

Público
33.795 pagantes (38.094 no total).
Cartões Amarelos
Atlético-BRA: Léo Pereira, Bruno Guimarães

Gols
Junior (COL)-COL: Yony González 7' 2T
Atlético-BRA: Pablo 4' 2T
Junior (COL)-COL
Sebastián Viera;
Marlon Piedrahita, Jefferson Gómez, Rafael Pérez e Germán Gutiérrez;
Luis Narváez (Sebastián Hernández), James Sánchez (Moreno), Víctor Cantillo e Jarlan Barrera;
Yony González (Luis Ruiz) e Luis Díaz
Técnico: Julio Comesaña
Atlético-BRA
Santos;
Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi;
Bruno Guimarães, Lucho González (Marcinho), Raphael Veiga (Wellington) e Nikão;
Marcelo Cirino e Pablo (Rony).
Técnico: Tiago Nunes
 
 
" />