Emocionando, Matheus Mendes comemora pênalti defendido e vitória do Atlético-MG

Atlético, agora, poderá perder por até três gols de diferença no jogo de volta que estará na final

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 01 (AFI) - Matheus Mendes tem apenas 22 anos. O jovem goleiro assumiu a meta do Atlético-MG, neste sábado, aos 27 minutos do segundo tempo, após o titular Everson ser expulso por ter feito pênalti. Antes da cobrança, Matheus Mendes bateu palmas, tocou o travessão e se movimentou na linha. E a "catimba" deu resultado.

Matheus Mendes defendeu a cobrança de Keké, aos 29 minutos. No rebote, o atacante do Tombense voltou a chutar no lado oposto, mas o camisa 31 fez outra grande defesa e garantiu a vitória do Atlético-MG por 3 a 0 no Independência.

Entrou e pegou pênalti. (Foto: Reprodução)
Entrou e pegou pênalti. (Foto: Reprodução)

"É muito importante, chego a ficar emocionado. Todos os atletas da base sonham em estrear no profissional. Pude entrar e defender (o pênalti).

Apesar dos 3 a 0, se tivéssemos tomado o gol, poderia ter mudado o jogo. Sentimento de 'ufa', passa um filme da cabeça", comemorou Matheus Mendes.

QUASE LÁ!
Hyron, Guga, de pênalti, e Hulk anotaram os gols do Atlético que, agora, poderá perder por até três gols de diferença no jogo de volta que estará na final. Ao Tombense restará golear o rival por quatro ou mais gols de diferença no próximo sábado no Mineirão.

O vencedor deste confronto pegará Cruzeiro ou América. Os dois se enfrentam neste domingo no Mineirão. O América terá a vantagem de decidir em casa na semana seguinte.

CUCA FALA SOBRE HULK COMO 'DONO' DA POSIÇÃO