Após título inédito, diretor do Atlético-MG é exaltado por ex-presidente do clube

Júnior Chávare liderou trabalho na base do Galo e levou à conquista do Campeonato Brasileiro da categoria

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 25 (AFI) - A equipe Sub-20 do Atlético-MG conquistou o título brasileiro da categoria de forma inédita no último domingo ao vencer o Athletico-PR nos pênaltis por 5 a 4, após perder por 1 a 0 no tempo normal. Na primeira partida, o Galo havia vencido por 2 a 1 em Minas Gerais e faturou a taça após levar a melhor nas penalidades.

Outro fator que chama atenção é que o Galo não chegava às semifinais há dez anos e, com o fim do jejum, veio a conquista o título. A equipe anda teve o artilheiro da competição, o atacante Guilherme Santos, com 13 gols.

BOM TRABALHO

Vale ressaltar que o Galo vem realizando um grande trabalho em suas categorias de base após a chegada do diretor de futebol da categoria, Júnior Chávare, que conquista seu quarto título em menos de dois anos na função, que aceitou para exercer no clube desde maio de 2019.

Ele foi campeão estadual Sub-14, Sub-15 e Sub-20 e brasileiro Sub-20, além de chegar à semifinal da Copa do Brasil Sub-17 e Sub-20.

“É um trabalho árduo, mas que tem suas recompensas, pois além do título, o nosso objetivo é revelar grandes atletas para a equipe profissional. Quero parabenizar as todos envolvidos neste ótimo trabalho que nos propusemos a realizar no Atlético-MG”, disse o diretor da base.

Júnior Chávare comemora título brasileiro sub-20 do Atlético-MG
Júnior Chávare comemora título brasileiro sub-20 do Atlético-MG

CURRÍCULO

Com passagens por Grêmio que revelou Artur, Luan, Jean Pierry, Everton Cebolinha, Darlan, Pepê, Alex Telles, Pedro Rocha, entre muitos outros, Junior Chávare trabalhou também no São Paulo, que teve revelações como Eder Militão e David Neres, sendo que a maioria destes atletas chegaram à Seleção Brasileira comandada por Tite.

A sua chegada ao Galo teve a aprovação do ex-presidente do clube, Sérgio Sette Câmara, que fez questão de parabenizar o diretor em suas redes sociais. “É um trabalho de equipe no qual envolve muitas pessoas para que estes garotos possam ter toda tranquilidade para exercer suas funções no clube que oferece todas as estruturas para que nosso trabalho seja realizado e agradeço muito pelas palavras do Sérgio Sette que sempre nos apoiou neste nosso projeto”, disse Junior Chávare.

Espaço incorporado por HTML (embed)

Com a conquista do título brasileiro Sub-20, o Galo terá pela frente o Vasco da Gama, campeão da Copa do Brasil sub-20 na disputa do título da Supercopa do Brasil da categoria e o campeão irá representar o Brasil na Libertadores Sub-20.

EQUIPE DE TRANSIÇÃO

A equipe de transição foi criada há pouco mais de um ano através do diretor da base do Galo, Júnior Chávare, com jovens atletas até 23 anos. Este grupo integra o profissional e foi criado com objetivo de trabalhar em paralelo com o time principal, sendo que vários atletas da base têm sido solicitados para integrarem esse elenco que vem realizando treinamentos diretamente com a comissão técnica do profissional.

Vários atletas da base começaram a se destacar, como Sávio, Caio Ribas, Rubens, Wesley, Talison, Gustavo Henrique, Isaque, Calebe, Giovani, Gabriel, Marquinhos, Bruno Silva, Matheus Mendes, entre outros. Hoje a equipe de transição tem pelo menos 25 atletas com idade de base que poderiam estar jogando no sub-17 ou sub-20.

São muitos atletas que fazem parte desse trabalho de transição e estão entre os melhores, sem contar com os garotos que disputaram o Brasileiro e Copa do Brasil com ótimas campanhas.