Recheado de reforços, Atlético-MG quer iniciar nova era do clube no Brasileirão

Galo chega com investimento pesado em novos jogadores, elenco renovado e o trabalho de Jorge Sampaoli

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 07 (AFI) - A torcida do Atlético Mineiro traz expectativas altas para o início do Brasileirão Assaí 2020. Com sete reforços e o técnico Jorge Sampaoli, que foi anunciado pouco antes da paralisação por conta da pandemia do coronavírus, o Galo reformulou seu plantel. Após a campanha ruim no ano passado, quando terminou em 13º na tabela, o Alvinegro quer dar início a uma nova era em sua história.

O argentino Sampaoli foi anunciado ainda em março e iniciou um processo de reorganização do elenco. Foram dispensados o lateral-esquerdo Lucas Hernández, os volantes Zé Welison e Ramón Martínez e os atacantes Edinho, Clayton, Ricardo Oliveira e Franco Di Santo. Depois das dispensas, o Galo foi ao mercado.

Adicionou dois nomes para a zaga, com Júnior Alonso e Bueno, o lateral Mariano, dois meio-campistas, Léo Sena e Alan Franco, e dois atacantes, Marrony e Keno. Além deles, o meia Nathan foi contratado em definitivo. A única baixa não planejada foi de Diego Tardelli, que se lesionou em um jogo-treino contra o América-MG e voltará apenas em 2021.

Atlético vem forte no Brasileirão
Atlético vem forte no Brasileirão

O Atlético, entretanto, tem expectativas grandes por conta da campanha de Sampaoli com o Santos no ano passado, clube que treinou até dezembro de 2019. Com vários recordes quebrados, o Peixe terminou a edição em segundo lugar, apenas atrás do histórico Flamengo de Jorge Jesus.

VEM FORTE!
No Campeonato Mineiro, o Atlético classificou para a semifinal nas rodadas finais, mas deslanchou na decisão e está na final contra Tombense. O time de Sampaoli começa dar as caras.

"Este ano será uma temporada diferente por causa de tudo o que está acontecendo no mundo. Todos os clubes terão que superar essas dificuldades e com a gente não será diferente. Por isso, precisamos nos preparar muito bem porque a maratona de jogos será bem desgastante", disse Keno.

TIME BASE: Rafael; Gabriel, Réver, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Franco e Nathan; Savarino, Marrony e Keno. Técnico: Jorge Sampaoli.