Atlético-MG reduz 25% dos salários de atletas, comissão técnica e diretoria

Na sexta-feira, o clube mineiro anunciou também a decisão de antecipar férias dos jogadores até 20 de abril

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 29 - Após aprovação do Conselho Deliberativo, a presidência do Atlético-MG anunciou, neste domingo, que vai reduzir 25% dos salários dos jogadores, comissão técnica e diretoria "pelo período que perdurar os efeitos da pandemia".

Na sexta-feira, o clube mineiro anunciou também a decisão de antecipar férias dos jogadores até 20 de abril, assim como outras agremiações, por causa da proliferação da doença.

Atlético-MG reduz 25% dos salários de atletas, comissão técnica e diretoria
Atlético-MG reduz 25% dos salários de atletas, comissão técnica e diretoria
Na nota, o Atlético se baseia na calamidade decretada pela Presidência da República, na suspensão das competições esportivas em nível mundial e pela consequente queda de receitas para os cofres do clube.

A redução dos vencimentos até o fim da pandemia não vale para os colaboradores do clube com salários que não ultrapassem R$ 5 mil mensais.

Quando o Campeonato Mineiro foi suspenso, o Atlético-MG era o terceiro colocado a duas rodadas da fase de classificação para o quadrangular final, atrás de América e Tombense e à frente da Caldense.